sábado, 30 de maio de 2009

Press Release Team AlbertosMX Jomotos Suzuki


Diogo Ventura mostrou bom andamento em Góis

A localidade de Góis recebeu este fim-de-semana a ultima ronda do Campeonato Nacional de Enduro, com o Team AlbertosMX Jomotos / Suzuki a fazer alinhar dois pilotos na classe Nacional.
Carlos Alberto tinha em Góis a sua estreia em provas de Enduro, que infelizmente ficou mais curta do que o esperado.O piloto da SOL’S teria problemas de aquecimento na sua moto no inicio da segunda volta sendo obrigado a desistir. “Foi muito complicado não estava nada habituado a estas situações e depois forcei muito a moto para sair dos obstáculos e isso fez com que começa-se a perder agua já que a moto aquecia muito, mesmo assim gostei da curta experiencia e quero repetir mas sei que me tenho que preparar melhor para este tipo de percursos.” Comentou Carlos Alberto.
Já Diogo Ventura a correr em casa mostrou todo o seu valor e chegou mesmo a rubricar um espectacular 6º lugar á geral na ET1 de Domingo.
O piloto da Alves Bandeira entrou muito mal na corrida de Sábado, muito nervoso e logo com uma penalização na primeira parte do percurso que estava muito difícil. Mesmo assim ainda venceu 2 especiais com clara vantagem sobre os seus adversários.

Já no Domingo tudo seria diferente e venceu 5 das 9 especiais de classificação, chegando então a fazer o 6º lugar á geral na ET1 e ainda um 9º lugar á geral na CT2.“Estou satisfeito com estes resultados, no Sábado não estava bem arranquei muito nervoso e nunca consegui andar o que realmente sabia, já no Domingo fui bastante mais calmo e só na Extreme que não estava a acertar e não conseguia passar rápido, mas também nunca treinei uma Extreme e sei que se treinar consigo melhorar bastante, já na Cross Test e na Enduro Test tudo era e durante todo o dia apenas não ganhei uma por 1 segundo por isso tenho que estar satisfeito, foi mais um bom teste e agora vou trabalhar porque quero estar presentes nos I.S.D.E da Figueira da Foz.” Comentou Diogo Ventura no final da corrida de Góis.


Assim chegava ao fim mais uma excelente corrida de enduro muito dura e muito bem organizada pelo GÓIS MOTO CLUBE.

A próxima prova do Team AlbertosMX Jomotos / Suzuki é já no dia 31 de Maio em Ourém para a ultima prova do Campeonato Nacional de Motocross Elite e MX2 Júnior.

O Team AlbertosMX Jomotos / Suzuki tem agora tambem o seu espaço na net no blogue:http://albertosmx.blogspot.com/

Pode consultar mais fotos deste evento em:http://www.abtfoto.com/

segunda-feira, 25 de maio de 2009

CNE 2009 - Enduro de Góis - Zanol impõe-se



Felipe Zanol sagrou-se campeão absoluto pela segunda vez consecutiva.

Na Elite 1, Gonçalo Reis é campeão apesar de ter ficado atrás de Zanol em termos pontuais.


Na Elite 2, o campeão é Mário Patrão.

António Oliveira, campeão na Nacional

Campeão dos Verdes 125 2t/250 4t - Nuno Oliveira

Campeão dos Verdes 250 2t/450 4t - Cláudio Belchior

Campeão da Promoção - Pedro Gravato

Campeão dos Veteranos - Jorge Peixoto

Reportagem: http://www.fnm.pt/fnm/artigo.asp?cod_artigo=176964

Fotos:


sexta-feira, 22 de maio de 2009

CNE 2009 - Tudo para se decidir em Góis




Este fim de semana, o 6º Enduro de Góis encerra a temporada de 2009 do Campeonato Nacional de Enduro. Os campeonatos das diversas classes estão ao rubro, mas é para a Elite 1 que as atenções vão estar maioritariamente viradas. Isto porque, aqueles que são actualmente os dois pilotos mais rápidos do CNE, Gonçalo Reis e Felipe Zanol, vão discutir entre si o título da classe (mesmo não possa ser atribuído ao brasileiro à luz da actual regulamentação) e o título absoluto.

Na Elite 1, os dois partem para esta última etapa separados por apenas 3 pontos, e ambos têm como pior resultado para deitar fora o segundo lugar (22 pontos). Assim, a pressão psicológica vai-se manifestar da seguinte forma: Zanol sabe que se vencer o primeiro dia e se Reis terminar em segundo, pode partir para domingo mais descansado, bastando-lhe terminar atrás do português para ganhar a classe. Se Reis vencer o primeiro dia e Zanol terminar em segundo, fica tudo aberto para domingo e será campeão quem vencer o dia. Então, Reis tem que obrigatoriamente ganhar no sábado para se manter na corrida pelo título, e repetir essa vitória no domingo. Isto se o piloto da CRN/Yamaha/Motofundador terminar em segundo nos dois dias.

No campeonato absoluto, 2 pontos apenas separam estes pilotos, como já dissemos. No entanto, o pior resultado de Gonçalo é o terceiro lugar obtido em Fafe (20 pontos), contra 22 de Zanol. Assim, deitando fora este resultado, o piloto do team Solposto fica empatado com Zanol no campeonato, pelo que está tudo em aberto para Góis. Se os dois tiverem resultados idênticos, o título vai para Zanol pois é aquele que tem mais segundos lugares. Ambos têm 3 vitórias.
Pelas sondagens aqui do blog, Zanol é o favorito tanto para a Elite 1 como para o Absoluto. No entanto, não são as sondagens que fazem o punho rodar.

Na Elite 2, as coisas não estão menos interessantes entre Mário Patrão e Fernando Ferreira. Estão separados por 3 pontos, com vantagem para o piloto da Suzuki. Ambos têm como pior resultado um 4º lugar (18 pontos). Assim, os cenários possíveis são idênticos aos da Elite 1. Paulo Felícia ainda tem hipóteses de alcançar o título, mas meramente matemáticas, uma vez que mesmo que os dois pilotos da frente desistam num dia, podem deitar esse resultado fora, pelo que continuarão com bastante vantagem pontual sobre o piloto da Husqvarna.

Na Nacional, as coisas também estão animadas. Isto porque Victor Oliveira terá de deitar fora um 3º lugar (20 pontos), contra uma desistência do veterano António Oliveira. Assim, os 16 pontos de vantagem do piloto da Husaberg, convertem-se em 4 pontos a favor do piloto da Honda…Mais uma vez, múltiplos cenários, mas tal como nas classes anteriores, quem ganhar os dois dias é campeão.

Nos Verdes 125 2t/ 250 4t, Nuno Oliveira parte em vantagem sobre Stefan Pinheiro. Ambos têm 146 pontos, mas o pior resultado de Nuno são 11 pontos e de Stefan 20. Logo, o piloto da Kamasaki tem na realidade mais 9 pontos que o piloto da TM.
Nos Verdes 250 2t/450 4t Cláudio Belchior é o favorito à partida. Tem 15 pontos para deitar fora, enquanto que o seu mais directo adversário, João Nobre, deita fora 16 pontos, até ao momento. Assim, Belchior tem 7 pontos de avanço antes da prova de Góis.

Na promoção, Pedro Gravato tem uma vantagem muito confortável sobre os seus mais directos adversários. Assim basta-lhe que não aconteça nenhum descalabro nos dois dias para ser campeão.

Nos veteranos, ao que tudo indica, António Carmo não poderá utilizar a sua vantagem em Góis, uma vez que se lesionou. Se assim for, o título será disputado entre Jorge Peixoto e Mané Teixeira, com vantagem para o primeiro pois tem o resultado nulo da primeira prova para deitar fora.

Esta edição 2009 do CNE está a ser umas das mais competitivas de sempre, e é em Góis que tudo se decidirá. Por isso, não faltem a esta prova e participem no encerramento do campeonato, assistindo às grandes lutas que vão haver.


terça-feira, 19 de maio de 2009

Campeonato Espanhol 2009 - Enduro de Becerreá - Salminen oferece a primeira vitória à BMW


Custou mas foi...
Salminen mostrou mais uma vez o piloto completo que é e, depois de um início de temporada complicado com a BMW, o finlandês foi evoluíndo a máquina progressivamente, colocou-a à sua medida e os resultados estão à vista. Primeira vitória da BMW no campeonato espanhol e, pode-se dizer, primeira vitória da BMW no enduro ao mais alto nível.
É certo que Salminen beneficiou do erro cometido por Ivan Cervantes na primeira passagem pela XT urbana, na qual perdeu 24 seg, mas o piloto da BMW esteve sempre muito próximo de Cervantes em termos de andamento, perdendo normalmente 3 seg por especial.

"El Torito " venceu a Enduro 3 e Xavier Galindo a Enduro 1.


sexta-feira, 15 de maio de 2009

50.000 visitas


O blog EnduroPortugal atingiu o simpático número de 50.000 visitas. A todos os que gostam de vir ao blog "cheirar" as novidades, o meu obrigado. Se for caso disso, aproveitem este post para deixarem comentários, críticas ou sugestões.

Nacional 2009 - 6º Enduro de Góis

O Góis Moto Clube vem desta forma apresentar o 6º Enduro de Góis, a quinta e derradeira prova do Campeonato Nacional de Enduro, que se irá realizar na bonita Vila de Góis nos próximos dias 22, 23 e 24 de Maio.
Ao pelotão do nacional junta-se o troféu Husqvarna, num percurso quase 100% novo, desenhado pelas montanhas que rodeiam esta Vila.
O percurso terá cerca de 52 Kms englobando as 3 especiais cronometradas, 1 Cross Test, 1 Enduro Test e 1 Extreme Test.
A Extreme Test (XT), localizada junto ao Santuário de Nossa Senhora da Candosa, será num terreno de pedra onde se irão centrar todas as atenções com vários obstáculos, todos naturais, de forma a dificultar a passagem de todos os pilotos. Segue-se a Cross Test (CT) na Quinta do Baião com diferentes tipos de piso ali existentes, com algumas subidas e descidas de maior dificuldade e alguns saltos. Por último surge a Enduro Test (ET) na Quinta da Capela, num piso composto completamente por relva. Estas duas especiais distam poucos metros entre si com a Zona de Assistência (ZA) muito perto.
Caro piloto, não deixes de vir a esta prova mítica do Campeonato Nacional de Enduro, a nossa equipa tem o prazer de Vos receber no Paraíso do Todo Terreno.

Ficha de Inscrição

Regulamento Particular

Mapa da Prova:

Mais informações em: http://www.goismotoclube.net/

Texto: Organização

quarta-feira, 13 de maio de 2009

2º Mini-Enduro TTFrende

O Clube Todo Terreno de Frende tem o prazer de anunciar a realização do 2.º Mini-Enduro TTFrende no próximo dia 31 de Maio.

Dado o sucesso e os variadíssimos elogios que a organização obteve pela realização do 1.º Mini-Enduro TTFrende a prova será realizada nos mesmos moldes. Será realizada em circuito fechado (Pista do Trilhafonso - Frende - Baião). Circuito este composto por três partes: mx (com bons saltos e partes rápidas); uma parte mais técnica e um pouco mais dura e uma parte mais "Extreme".

Serão distribuídos Prémios Monetários até ao 8.º classificado.

Inscrições: Até ao dia 30 de Maio - 25€; No próprio dia - 30€

O valor da inscrição inclui a participação na prova, balneários para quem quiser tomar banho, e comida no final para piloto e acompanhante. Se quiserem ver algumas fotos do 1.º Mini-Enduro, podem consultar: http://www.ttfrende.blogspot.com/ ; http://www.ttfrende.webs.com/

Para qualquer questão adicional:info.ttfrende@gmail.com ou André - 969.816.278; Hugo - 933.397.438; Mauro - 919.885.767

Texto: Organização

KTM Six Days 2010


quarta-feira, 6 de maio de 2009

KTM Champions Edition - Edição Limitada comemorativa dos 35 anos de competição da KTM

Para comemorar o 35º aniversário de competições e mais de 160 títulos, a KTM lançou uma edição limitada dos seus modelos de enduro 250 EXC, 250 EXC-F, 450 EXC y 530 EXC, com um grafísmo exclusivo. Na compra de um destes modelos, a marca oferece ainda uma camisola da "Kini Collection" e um Neck Brace KTM.

CNE 2009 - 2º Enduro de Rio Maior - A resposta de Reis

Se pensavam que o primeiro lugar dos campeonatos Absoluto e Elite 1 já tinham um dono destinado, enganaram-se redondamente...Gonçalo Reis mostrou em Rio Maior que quer ambos os títulos e que está com andamento para o fazer. O piloto do team Solposto venceu a geral nos dois dias, secundado pelo seu rival brasileiro.
No sábado, começou o dia com uma vitória na ET, tendo Zanol respondido logo de seguida na CT, passando para a frente da classificação. Mas foi na segunda volta que Reis mostrou a sua garra e decidiu o dia. Ganhou 8 seg a Zanol na primeira passagem cronometrada pela XT e novamente 8 seg na CT2. O piloto da CRN/Yamaha Motofundador entrou para a 3ª volta com vontade de recuperar o 1º lugar, ganhando as três especiais, mas com Gonçalo sempre por perto. Este venceu ainda a última especial terminando o dia com 20seg de vantagem.
No terceiro posto da Geral e primeiro da E2 terminou Fernando Ferreira, com 5seg de avanço sobre Mário Patrão.

No domingo, Gonçalo Reis confirmou que está muito forte e começou logo por ganhar 12,5seg a Zanol na primeira especial, a XT1. Das 10 especiais do dia, Reis ganhou 8 e Zanol 2, pelo que no final o português terminou com 37,5 seg de vantagem sobre o brasileiro. Em terceiro lugar da Geral terminou Mário Patrão, aproveitando da melhor forma alguns erros cometidos por Fernando Ferreira para vencer a sua classe e assumir a primeira posição do campeonato.

Com tudo isto, os campeonatos principais do CNE estão ao rubro, quando faltam apenas dois dias de competição, em Gois. No campeonato absoluto, Zanol tem agora apenas 2 pontos de vantagem sobre Reis. Na Elite 1, os dois pilotos estão separados por 3 pontos. 3 pontos separam também Mário Patrão e Fernando Ferreira na Elite 2, com vantagem para o piloto da RRmotos.

Na Nacional, as penalizações definiram as classificações para muita gente. Alheios a isto estiveram os dois Oliveiras, com o veterano a mostrar que ainda está na luta pelo título. António Oliveira terminou o primeiro dia com 1 minuto de avanço e mais de 4 minutos no domingo, sobre Victor Oliveira. No entanto, o piloto da Husaberg só tem de terminar nas posições cimeiras nas últimas provas para conquistar o título. O espanhol Enrique Vega desistiu no sábado e não participou no domingo, atrasando-se assim na luta pelo campeonato.

Tal como na Nacional , o percurso duro fez mossa nas restantes classes, e muita gente penalizou. Nos verdes 1, Nuno Oliveira foi o mais forte no primeiro dia, e Luís Oliveira no segundo. Stefan Pinheiro terminou em terceiro nos dois dias.
Nos verdes 2, João Nobre venceu os dois dias, tal como Pedro Gravato nos Juniores e Jorge Peixoto nos veteranos.

O CNE tem a sua etapa final em Gois, já nos dias 23 e 24 de Maio. Com uma das melhores organizações a nível nacional e com os campeonatos por decidir, motivos não faltam para irmos todos a Gois assistir ao grande desfecho do campeonato, antes de orientarmos as nossas cabeças para os 6 dias.

Fotos: http://www.fnm.pt/