quarta-feira, 26 de maio de 2010

EWC 2010 - GP de Itália










Foto: http://www.offroadchampions.com/

Troféu YAMAHA fechou ano em dia quente

Foi debaixo de intenso calor que terminou a época 2010 do Troféu YAMAHA. A localidade de Ladoeiro junto a Idanha-a-Nova acolheu a última prova, onde foram definidos os campeões de todas as categorias, com muita emoção e duelos num novo formato de corrida, agora ao melhor estilo Endurance.

À chegada à pista desenhada junto ao Hotel Idanhacaça algumas categorias estavam ainda por decidir e seríam essas as principais animadoras do derradeiro dia do Troféu YAMAHA 2010. Com o calor a receber de forma intensa toda a caravana, também o pó marcou esta derradeira jornada, apesar de todos os esforços por parte da organização em manter a pista o mais regada possível.
Para fechar a época a prova foi realizada ao melhor estilo resistência, com partidas tipo Le Mans para as categorias das suas rodas e para as principais classes dos moto 4. Com 60 minutos de duração para cada prova, num traçado mais extenso, não faltaram motivos de animação ao longo de uma tarde bastante quente, onde as classes reservadas aos mais novos e ás máquinas de menor cilindrada enfrentaram esquemas de corrida distintos, com as suas provas mais curtas e numa pista com menos perímetro.
Ao longo das quatro provas realizadas em 2010 neste Troféu YAMAHA foram mais de uma centena os pilotos que competiram lado a lado nas mais diversas classes, envolvendo motos e moto 4 nas suas mais diversas formas e cilindradas, desde as motos e moto 4 de menor cilindrada para os pilotos mais novos até ao mais robustos e potentes modelos utilitários que também aqui encontraram espaço para competir ao longo de quatro jornadas totalmente distintas entre si e que ajudaram a mostrar a polivalência dos modelos das marcas, dos seus pilotos e também dos seus clients, já que este Troféu YAMAHA se destina especialmente aos clientes da marca.
Por isso o leque de idades foi igualmente grande, desde os Infantis aos Veteranos, numa verdadeira demonstração da dimensão da família YAMAHA, que continua crescer e promete regressar em 2011 com muitas novidades não só ao nível das provas como na distribuição geográfica das mesmas.

MOTO

Cinco pontos separavam os dois primeiros nas 450 e entre os dois primeiros das 250 eram apenas seis os pontos que os separavam.
Após os treinos quem garantiu a ‘pole’ nos Oficiais foi Paulo Cardoso, que discutia aqui a vitória final com Luís Ferreira, relegando ambos Frederico Fino para o terceiro lugar na linha de partida.
João Silva mostrou o seu domínio entre as 450cc, com Telmo Marques a surgir no topo das 250 e Manuel Tomé nos Veteranos, com estes dois últimos a quererem de imediato mostrar as suas intenções no que diz respeito à vitória final no Troféu.
Após o arranque, ao melhor estilo Le Mans com os pilotos a correrem para a suas motos, foi João Silva quem assumiu vantagem, mesmo perante os Oficiais. O piloto da equipa Terra Dura segurou a liderança até à terceira passagem pela linha de meta, quando era já Luís Ferreira na frente, posição essa que não mais largou até ao final da prova, sempre na frente de Telmo Marques, o segundo classificado final e primeiro entre as 250cc. Frederico Fino foi o terceiro classificado final e segundo entre os Oficiais, ajudando assim Luís Ferreira a vencer a classificação final da classe, já que Paulo Cardoso falhou por completo o arranque e depois de ser apenas 11º na primeira volta não conseguiu recuperar o suficiente para vencer o Troféu, pois tinha que ser pelo menos segundo classificado, o que acabou por não acontecer.
Luís Ferreira venceu assim o Troféu entre os Oficiais, na frente de Paulo Cardoso.
Entre as 250 Telmo Marques repetiu a vitória conquistada no Couço, batendo Pedro Garcia e Luís Cação. Desta forma conquistou o primeiro posto final, ele que foi o único piloto na classe a conseguiu repetir vitórias.
Mais simples a tarefa de João Silva para vencer entre as 450, o único piloto a vencer todas as provas na duas rodas, que mostrou a sua autoridade ao deixar o segundo classificado, Luís Agostinho, a uma volta de distância. Sérgio Simões foi o terceiro na frente de João Paiva e Rui Abreu.
Entre os Veteranos foi Manuel Tomé a vencer, tendo o primeiro líder sido Eduardo Guerreiro. Mas Tomé cedo tomou conta das operações e deixou Guerreiro no segundo posto na frente de Paulo Martins e Jorge Cardoso.
Entre os mais pequenos foi Guilherme Cardoso quem garantiu mais uma vitória, a quarta do ano, desta feita sempre a oposição por parte de André Sérgio, o que deixou ainda mais à vontade o pequeno piloto ribatejano. Fazendo uma corrida a solo Cardoso fechou o ano com a quarta vitória neste Troféu, batendo Miguel Nunes e Bruno Valentim, que com ele estiveram no pódio final, sendo Guilherme Santos o quarto classificado final.
Luís Ferreira, João Silva, Manuel Tomé, Telmo Marques e Guilherme Cardoso são assim os vencedores 2010 no Troféu YAMAHA após quatro animadas provas todas elas diferentes entre si mas sempre marcadas por muita competição, leal mas aguerrida aos comandos de máquinas do mesmo construtor.


Hype Communications

segunda-feira, 24 de maio de 2010

EWC 2010 – Lovere - Itália - Paulo Felícia perto do “Top-ten”

Paulo Felícia alinhou este fim-de-semana na terceira etapa do Campeonato do Mundo de Enduro, que teve lugar em Lovere, Itália, conseguindo no primeiro dia ficar perto dos dez primeiros na Categoria E3.
Numa jornada disputada num percurso de Montanha, com muitas pedras, e algo degradado, depois da passagem dos pilotos, o calor também foi um adversário presente, dificultando a tarefa a todos.
Com intenção clara de andar entre os mais rápidos, tal como na jornada portuguesa, no primeiro dia o piloto transmontano admitiu que não lhe correu de feição: “Andei um pouco mal, pois sofri algumas quedas e com isso perdi muito tempo. No final do dia até fiquei um pouco surpreendido com a classificação, pois fui o 12.º classificado”.
Para o segundo dia, e já com um conhecimento melhor do percurso, a intenção era atacar em busca do prejuízo: “Entrei muito forte e estava a andar muito rápido. Contudo, na passagem pela Especial Extreme, tive uma queda que danificou a bomba de água da mota. Com isto, tive que trocar esta peça na assistência e penalizei três minutos que me atiraram para o 17.º lugar final”, explicou Paulo Felícia, obviamente triste com este azar: “Se não fossem esses três minutos daria para ficar em 11.º, o que penso que era um bom resultado para uma prova fora do país”, acrescentou ainda.
Agora há que encarar o futuro com optimismo: “Sei que não tenho tido muita sorte, mas a competição é mesmo assim e há sempre alguns factores que não nos correm como desejamos”.
O Campeonato do Mundo prossegue agora nos dias 12 e 13 de Junho na Polónia.

Team CRN/Yamaha/Motofundador

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Team NNMotos – Clube Seita – Husqvarna em Messines

Foi durante um solarengo fim-de-semana de 15 e 16 Maio, que o Team NNmotos-Clubeseita-Husqvarna, esteve presente na 3ª ronda que decorreu no Algarve. Os 8 pilotos do Team de Oliveira do Hospital, enfrentaram uma corrida, com grau de dificuldade baixo, mas pautado por trilhos muito bonitos, atendendo às excelentes paisagens que a Serra de Silves proporciona.

Gonçalo Bandeira

O evento começou logo no sábado 15, com a já habitual especial nocturna, onde a partida é dada com 2 pilotos a par, tentando passar em menos tempo possível os diversos obstáculos aí colocados. Nesta especial, Gonçalo Bandeira, o piloto DELTA CAFÉS, a defender as cores do Team NNMotos-Clubeseita-Husqvarna na classe Elite 1, conseguiu um 2º lugar.

Miguel Domingos

Ricardo Pereira

João Oliveira

Na Classe Verdes 1, onde a equipa apoiada pela ALVES BANDEIRA, tem mais representantes, a disputa foi mais interessante, ditando mesmo o 2º melhor tempo para o Piloto PADARIA ABRANTES Miguel Domingos, 3º para o piloto JMF Automatismos Ricardo Pereira, 4º para o piloto GOUVEIATEL Jorge Gouveia, 12º para o piloto DUPLA FACE Bruno Garcia e 13º para o piloto TABUAGESTE João Oliveira. Na Classe Promoção, o piloto Moita e Monteiro, Rodrigo Moita e após uma queda, realizou um 9º lugar da classe. Já na Classe veteranos, o piloto CONSTRUÇÔES GOUVEIA e Filho, também registou uma queda, o que o atirou para um 5º lugar da classe.
Estava assegurado um interessante duelo para todos os pilotos no dia seguinte.

No Domingo, a corrida foi pautada por várias voltas num circuito de cerca 50 km, onde logo no início ficamos sem o nosso representante Rodrigo Moita, que após uma queda na Especial Extrem, abandonou a corrida por ter deslocado o ombro. Também Gonçalo Bandeira, com uma tendinite no braço direito, viu-se obrigado a concluir as 4 voltas que o obrigavam, debaixo de fortes dores, conseguindo não lutar contra o relógio, mas a concluir a corrida e amealhar preciosos 20 pontos com o 3º lugar da classe. Aqui engrandecemos a força de vontade e sacrifício que este piloto demonstrou.

Jorge Gouveia

Na classe Verdes 1, o piloto POLISPORT Jorge Gouveia, desde as especiais iniciais ditou um forte andamento, conseguindo mesmo estar ao fim da 1ª volta em 1º lugar da classe, mas um problema com uma ligeira queda da Especial CrossTest, fez perder cerca de 24 segundos, e mesmo conseguindo ganhar 5 das 9 especiais do dia, não conseguiu recuperar, terminando num 3º lugar da classe. Em 5º lugar ficou Miguel Domingos, 6º Ricardo Pereira, 8º Bruno Garcia e 9º João Oliveira.

Luís Gouveia

Na classe Veteranos, Luís Gouveia, piloto CREDITO AGRICOLA, estive em evidência, conseguindo um 4º lugar na classe, mas um erro organizativo, onde encaminhou o piloto para percurso que não era o correcto, ditaram a penalização em 4 minutos, atirando-o para 7º lugar da classe.

Bruno Garcia

Juntamente com esta competição, disputa-se também o Troféu Extrem KIA Motors, onde o Gonçalo Bandeira obteve 6º lugar na Elite. Nos verdes Jorge Gouveia conseguiu 2º, Filipe Domingos 8º, Ricardo Pereira 15º,Bruno Garcia 27º, Luís Gouveia 30º e João Oliveira 34º.


Em termos de classificação geral e após 3 provas, os nossos pilotos encontram-se:

Campeonato Nacional Enduro
Elite1:
Gonçalo Bandeira – 2º Classificado

Verdes 1:
Jorge Gouveia – 1º Classificado
Filipe Domingos – 3º Classificado
Ricardo Pereira – 4º Classificado
Bruno Garcia – 8º Classificado
João Oliveira – 13º Classificado

Promoção:
Rodrigo Moita – 6º Classificado

Veteranos:
Luís Gouveia – 5º Classificado


Troféu Extrem Kia Motors

Elite:
Gonçalo Bandeira – 4º Classificado

Verdes, Promoção Veteranos:
Jorge Gouveia – 1º Classificado
Filipe Domingos – 7º Classificado
Rodrigo Moita – 13º Classificado
Ricardo Pereira – 14º Classificado
Bruno Garcia – 32º Classificado
João Oliveira – 35º Classificado

Mais fotos em ABTFOTO.com

Calendário:
23 Maio – Resistência TT – Vila Verde Seia4-5-6 Junho – CN Enduro – Vale de Cambra

NNMotos, Clube Seita, ItalianJob - Husqvarna, Municipio de Oliveira do Hospital, Polisport, Crédito Agricola, Alves Bandeira, Gouveiatel - Vodafone, Construções Gouveia e Filho, Padaria Abrantes, JMF Automatismos, Dupla Face- Contabilidade, Moita e Monteiro electricidade e canalização, Cross Pro, Drenaline,WRP Volantes, Geraldo e Ferreira-Valvoline, Denso Premier, DC, Espiritos Club, AP Barbeiros, Aquinos, Santander Totta, RF Moda- difusão e criação de moda, Carnes Mota, Inwood- soluções de madeiras, Ribadao, Salsicharia Beira Serra, Quinta dos Jugais, Oliportal, Tabuateste, Rest Manjar do Barril, Lusacelular, Tabocardoso, Pizzaria Papo Seco, Centro Optico Tabua, Municipio Tabua, Corina Cabeleireiros, Estrela Beira, To Quim Automóveis, Login informática, Resid. Cabeça da Velha, AM Pereira e Pereira, Aryser, Delta, Vila e Freguesia Góis,Jose Alvoeiro Construções, Gois MotoClube, Calabria Pizzaria, Tabuatrans, Armando Dias Lopes,Construtora Coragem e Correia, JOA, Lacticinios Correia e Barreiras , SNT-Sociedade Nortenha de Tintas, Ribamondego e Sebastião T Silva - Seguros.... a eles o nosso muito obrigado!!!

Team NNMotos – Clube Seita – Husqvarna

Team RR-MOTOS-SUZUKI-CEPSA-CRÉDITO AGRÍCOLA em Messines

Foi no passado dia 15 e 16 de Maio, realizou-se a terceira prova do Campeonato Nacional Enduro, em São Bartolomeu de Messines – Silves, organizada pela Associação Extremo Sul.
O percurso da prova contou com 52km, com as 3 especiais incluídas. A Super Especial Nocturna, com 2km, realizou-se no dia 15, já as três especiais cronometradas, Extreme test de 1km, Cross Test de 3km e Enduro Test de 4km, no dia 16.

Este desafio em terras algarvias foi apenas o segundo na história do Enduro Nacional, atraindo assim milhares de pessoas a assistir ao espectáculo desportivo.
´
O piloto do CRÉDITO AGRÍCOLA iniciou esta prova muito confiante num bom resultado, e desde cedo se começou a lutar pelo deu objectivo,
no sabado fez o segundo melhor tempo na super especial, que serviu de abertura para esta prova.

No dia seguinte a SUZUKI RMX450Z liderou desde a primeira especial, até a derradeira, mas não foi feliz, visto ter perdido esta prova por escassos 2, segundos, saiu de Messines
com a segunda posição.
No Campeonato de ÉLITE 2 o piloto da CEPSA é segundo neste momento, já no Campeonato absoluto encontra-se na terceira posição quando entamos a meio deste Campeonato de 2010.

"Foi um bom fim de semana, fiz uma boa prova, sempre muito regular, apenas tenho a salientar duas pequenas falhas, na extreme teste, e uma queda na ultima enduro test, perdi a prova com estas pequenas falhas, sou o humano e tb falho,
ainda estamos a meio deste campeonato e irei continuar a trabalhar para dignificar os meus patrocinadores e todas as pessoas que acreditam no meu trabalho. Agradeço aos meus assistentes e todos os patrocinadores."

Proxima prova Enduro vale de Cambra, 4/5 e 6 de Junho.

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Pedro Arvelos conseguiu o Pódio no CNE

Foi no passado fim-de-semana 15 e 16 de Maio que a caravana do Campeonato Nacional de Enduro rumou ao Algarve, mais propriamente a São Bartolomeu de Messines onde uma prova desta envergadura já não existia há muito tempo.
A prova constou com uma especial nocturna onde Pedro Arvelos mostrou logo sinal de ataque ao conseguir realizar o 5º lugar da sua classe promoção. No segundo dia após um traçado acessível apenas com um controle horário muito apertado na parte final do percurso onde a grande maioria dos pilotos penalizaram. Foi então que o piloto Reguenguense após uma prova regular e sem erros conseguiu subir ao pódio alcançando o 3º lugar na classe. “ A prova correu muito bem, tentei atacar logo de início sempre com a máxima concentração pois já desejava este resultado nas provas anteriores, mas vários azares não me deixavam. É altura de encarar as próximas provas com a mesma atitude, pois os pilotos da promoção estão muito fortes e um erro mínimo faz variar muito os resultados. Mas estou a treinar bem e vou continuar. Gostava muito de agradecer às pessoas que têm feito um esforço enorme para me acompanhar e a todos aqueles que fazem parte deste projecto onde não posso deixar de citar: Casa Valadas, Everybody, Évora Hotel, Pastelaria Violeta, Polisport, Jornal Palavra, Diário do Sul, o Lavrador, Ecc, Rest/Bar Convivius, Rest Aloendro, Império Bonança, Rest Moira, Intermarché, Bar Galeria de Arte, Kartódromo de Évora, L´Assist, Clínica CMB e Oficina Barrigó.”A próxima prova realiza-se já dia 5 e 6 de Junho na localidade de Vale de Cambra.

Team Casa Valadas

Husqvarna a rainha da classe Verdes 1 no Enduro de Messines

(Clicar na imagem para ampliar)

RSA Competições vence Prova de Enduro em Messines

A primeira metade do Campeonato Nacional de Enduro foi cumprida no passado fim-de-semana numa jornada de um só dia, disputada em S. Bartolomeu de Messines onde se antevia uma grande luta pelos lugares cimeiros.
Nesta prova esteve mais uma vez presente o piloto Luís Santos do team RSACOMPETIÇÕES/JPM/VOLTAGEM.
O piloto da VOLTAGEM, na especial nocturna disputada no sábado, averbou a 5ª posição a menos de 5 segundos do 1º, o que motivou bastante o mesmo para a prova de domingo.
O atleta da RS ALUMINIOS, entrou com o pé direito logo na primeira especial, vencendo-a e começando logo a segurar um bom resultado na sua classe. Já no final do dia, o resultado da equipa da Figueira da Foz não poderia ter sido melhor do que a vitória no Enduro de Messina na Classe Verdes I.
“ Estou bastante feliz com este meu resultando, mesmo sem palavras, pois esta foi a minha 3ª participação numa prova de enduro e consegui vencer e fazer frente a adversários com um experiencia maior que a minha neste tipo de prova. Esta prova trouxe-me uma motivação muito maior para enfrentar a segunda metade do campeonato. Desde já quero agradecer á minha namorada Inês, á Sofia, e ao Sousa por me fazerem acreditar que isto era possível. Também não posso deixar de agradecer em especial ao meu grande suporte que são os meus pais e irmãos, esta vitória também é deles”
Desde já a equipa A Equipa sediada na Figueira da Foz, desde já agradece a todos os patrocinadores e entidades envolvidas neste projecto.

RSA Competições

Equipa Bianchi Prata/Vodafone azarada no Enduro de Messines

Nos dias 15 e 16 de Maio, realizou-se a terceira prova do Campeonato Nacional Enduro, em São Bartolomeu de Messines – Silves, organizada pela Associação Extremo Sul.
O percurso da prova contou com 52km, com as especiais incluídas. A Super Especial Nocturna, com 2km, realizou-se no dia 15, já as três especiais cronometradas, Extreme KIA Motors de 1km, Cross Test de 3km e Enduro Test de 4km, no dia 16.
Este desafio em terras algarvias foi apenas o segundo na história do Enduro Nacional, atraindo assim milhares de pessoas a assistir ao espectáculo desportivo.
A Equipa Bianchi Prata/Vodafone participou nesta competição com o piloto Elias Rodrigues, aos comandos da BMW G 450X. Na Classe Verdes II, o piloto da ISUZU, dominou a prova toda vencendo quase todas as especiais, mas no final da última especial extreme bateu numa pedra e partiu a corrente da sua BMW G450X, com este azar Elias perdeu mais de 2 minutos, o que o atirou para o 4º lugar da classe. “ foi uma pena andei rápido o dia todo, mas na ultima curva da extreme a moto partiu a corrente e tive de fazer os últimos obstáculos da extreme a empurrar a moto o que me fez perder muito tempo “.
Pedro Bianchi Prata, director da equipa, comentou a participação do piloto Elias Rodrigues no Enduro de Messines: “nas corridas nunca estamos livres de azares como este, o importante é que o Elias conseguiu mesmo assim acabar a prova e pontuar para o campeonato, que é esse o nosso objectivo, pois ainda faltam muitas provas para o final”.
A próxima prova da equipa da BP Ultimate, pontuável para o Campeonato Nacional de Enduro, será em Vale de Cambra, nos dias 5 e 6 de Junho.

Texto: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata – Beatriz Martins
Fotos: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata - José Carlos Silva

Disputa acentua-se na Extreme Kia Motors 2010

O desafio Extreme KIA Motors 2010 foi realizado pela terceira vez em São Bartolomeu de Messines, prova pontuável para o Campeonato Nacional de Enduro 2010.
Os cerca de 100 pilotos inscritos, tiveram a primeira passagem na Extreme KIA Motors às 10h, do dia 16 de Maio.
Na Classe Elite, o vencedor foi Paulo Felícia, na Classe Nacional Luis Oliveira e na Classe Verdes João Silva.

A intensa disputa pela conquista da Extreme KIA Motors em Messines fez-se sentir entre a imensidão de público, que vibrou a cada passagem na especial.
A próxima prova do desafio Extreme Kia Motors 2010 será em Vale de Cambra, no dia 6 de Junho.

Texto: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata – Beatriz Martins
Fotos: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata - José Carlos Silva

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Luis Oliveira de “Elite” em São Bartolomeu de Messines

Foi num fim de semana solarengo que o Campeonato Nacional de Enduro rumou ao Algarve 22 anos depois , tendo a organização preparado uma prova com cerca de 200km , 4 voltas de 50 km com um percurso muito rápido e algo perigoso .
Luis Oliveira começou logo no sábado à noite na Super Especial a mostrar a sua garra conseguindo um 3º lugar à geral com o mesmo tempo exacto de Mário Patrão (2º).No domingo Oliveira foi muito consistente na sua exibição tendo sido muito regular em todas as especiais e vários resultados nos 3 primeiros da geral fez que a classificação final tenha sido bastante agradável tendo lutado pelo pódio absoluto , venceu assim a a sua classe ( NACIONAL) com quase 2 minutos de vantagem.O 4º posto absoluto foi um grande incentivo para o resto do campeonato , tal como para a 2ª Prova do europeu a realizar em Junho na Polónia. No final o Oliveirinha disse : ” Foi uma prova sem dificuldades de maior , o calor e o piso muito duro tornaram-na mais dificil , não consegui andar como queria na Cross Test , de resto tudo correu bem , a minha YAMAHA esteve excelente como sempre , agora que chegamos a meio do campeonato gostava de referir mais uma vez todas as pessoas que me apoiam este ano: A YAMAHA , CETELEM . MOTOBELAS , CCMOTO , SPEEDFREAK , RESTÔ , AGIP , POLISPORT , ESCOLAS DE CONDUÇÃO D.AFONSO V E NORTE , DREAM MACHINE , VJC HERDEIROS , ESPACIO CONCEPT , CABELEIREIROS HOLLYWOOD , CROSSPRO , ARIETE. Fotos em ABTFOTO.COM
O meu agradecimento à minha familia , ao Pedro Caixeiro, e a toda a gente que me ajuda a conseguir estes resultados.”

Oliveira Racing Team

CNE 2010 - Messines - Videos Helmet Cam´s

terça-feira, 18 de maio de 2010

CNE 2010 - Messines - Videos


Videos: Sérgio André

KTM EXC, XCW 2011 e Six-Days 2010





Cpt. Espanhol 2010 - A Peroxa


Foto: www.befurious.com

Diogo Ventura segundo classificado no Enduro de Messines

O piloto da ALVES BANDEIRA, Diogo Ventura, esteve mais uma vez em destaque no Enduro Nacional, desta vez em Messines.
Este Enduro de apenas um dia seria mais uma prova de evolução para o jovem atleta de GÓIS que chegou mesmo a liderar a classificação e a vencer algumas das especiais cronometradas.
O piloto da SUZUKI tinha á segunda passagem pela Extreme Test um pequeno percalço que o deixava a perder mais de 25 segundo e logo ai o retirava da discussão da corrida. Como se isso não bastasse logo depois tinha uma queda na Cross Test, onde já tinha vencido na passagem anterior.
Mesmo assim mostrou bem o seu valor e andamento e se não fossem estes pequenos erros poderia ter discutido a vitória desta corrida até ao final.
O piloto da CETELEM tem no próximo domingo a última ronda do seu Campeonato Nacional de Motocross Júnior, para depois se concentrar a 100% no enduro Nacional bem como nas 3 rondas do Campeonato da Europa que vai participar.
“Esta prova foi mais um bom treino para a minha evolução no Enduro, entrei com vontade de vencer e sei que consigo e acho que o provei em algumas especiais que venci, as coisas este ano não me estão a correr bem, mas tanto na última prova de Motocross como agora neste enduro penso que já estão a melhorar e vou continuar a trabalhar para dar a volta por cima e tentar fazer um final de época mais parecido com as minhas reais capacidades, só tenho que agradecer á minha equipa e aos meus patrocinadores para continuarem a acreditar em mim e tudo vou fazer para justificar essa aposta, quero ainda agradecer ao meu mecânico António Primo que mais uma vez fez um trabalho espectacular na preparação da minha moto, agora vou me concentrar bem para a última corrida de Motocross deste ano onde vou dar o máximo para ainda tentar subir um pouco na classificação.” Comentou Diogo Ventura.
Ricardo Sebastião, team manager da equipa da JOMOTOS, estava também satisfeito com a progressão do seu pupilo.“O Diogo começa agora a ganhar ritmo e a mostrar o seu real andamento, as coisas este ano não estavam a correr bem, depois teve ainda a operação ao nariz que o fez perder todo o ritmo que tinha, agora começa a recuperar fisicamente e animicamente e acredito que ainda pode trazer bons resultados este ano, temos ainda corridas muito importantes onde acredito que o Diogo pode surpreender, não tenho duvidas que o Diogo será um grande nome do enduro Nacional e mesmo Mundial, mas temos tempo, tem apenas 17 anos e tudo para triunfar.”
Próxima corrida do Team Jomotos / Suzuki será o Motocross de Vila Boa de Quires dia 23 de Maio, sendo esta a última ronda do Campeonato Nacional Elite e Júnior.
Pode consultar mais fotos deste evento em http://www.abtfoto.com/

Patrocinadores do Team Jomotos / Suzuki: JOMOTOS (concessionário Suzuki), SUZUKI, (RM-Z 250), CETELEM (créditos financeiros), ALVES BANDEIRA (combustíveis) SOL’S (têxteis publicitários),BUD Racing (peças especiais de competição), CMS (capacetes), GOLDENTYRE (pneus), VALVOLINE (lubrificantes),ARIETE (óculos e punhos), POLISPORT (plásticos), SKECHERS (calçado desportivo), AKRAPOVIC (escapes), Go Pro (camaras digitais), XRW (protecções em aluminio), ARC Levers (manetes), BlackBird (autocolantes), DT1 (filtros de ar).

Team Jomotos/ Suzuki

segunda-feira, 17 de maio de 2010

CNE 2010 - Messines - Vitória total de Paulo Felícia

O Campeonato Nacional de Enduro prosseguiu este domingo com a disputa da terceira prova pontuável, onde Paulo Felícia venceu a sua categoria, mas também em termos gerais.
Nesta estreia da prova disputada no Algarve, o piloto do Team CRN / Yamaha / Motofundador esteve imparável conseguindo superar uma forte concorrência. Paulo Felícia teve que se aplicar para triunfar nesta segunda visita de sempre do Enduro a terras algarvias num traçado inédito cumprido na Serra de Silves em apenas um dia de prova, onde o calor acabou por prejudicar a acção dos pilotos: “Nas primeiras duas voltas ao percurso, posso mesmo considerar que foi um passeio, pois o terreno estava em boas condições e as dificuldades não foram muitas”, começou por dizer o piloto prosseguindo: “A partir daí, as exigências físicas começaram a ser maiores, mas como tenho trabalhado bem nesse capítulo, acabei por fazer a diferença na última especial, suplantar os meus adversários e anular a pequena desvantagem que tinha. Só posso estar satisfeito com esta vitória excelente para mim e para toda a equipa da CRN / Yamaha / Motofundador”, concluiu o piloto que ainda venceu o Troféu Extreme com vitórias em todas as passagens neste tipo de especial desta prova.
Depois do triunfo no primeiro dia do Enduro de Góis, seguiu-se agora esta vitória em termos absolutos o que abre cada vez mais expectativas de poder lutar pelo título absoluto: “Estou em segundo e consegui ganhar cinco pontos ao adversário que está em primeiro. Com isto, acho que posso perfeitamente continuar a ganhar pontos, pois tenho trabalhado para isso”.
Já em termos de Categoria, não há muito para contar: “Ganhei todos os dias disputados até hoje e por isso lidero com alguma margem”.
O Campeonato Nacional de Enduro, prossegue agora nos dias 5 e 6 de Junho em Vale de Cambra.

Team CRN/Yamaha/Motofundador

domingo, 16 de maio de 2010

CNE 2010 - Messines - Felícia vence ronda sulista

Paulo Felícia sagrou-se hoje vencedor da primeira prova do Nacional de Enduro realizada em Messines. Aos comandos da Yamaha WR da da equipa minhota da CRN/Motofundador o piloto transmontano fez a diferença e garantiu a vitória naquela que foi a segunda vez que o Nacional de Enduro visitou o Algarve – a primeira tinha sido em 1988 – e a primeira em que os trilhos da Serra de Silves acolheram os especialistas da modalidade.
A prova começou em ambiente de festa com a realização de uma especial nocturna com dois quilómetros de extensão traçada no Parque de Feiras de Messines. Com apenas seis pilotos entre a categoria principal o melhor foi o líder do campeonato, Gonçalo Reis, que se impôs a Mário Patrão e Paulo Felícia, ao qual conquistou seis segundos e meio que poderia gerir no dia seguinte, onde todo o pelotão teve que enfrentar o percurso de 52 quilómetros por quatro vezes, Elite e Nacional, e três vezes para os pilotos das restantes classes (Verdes, Veteranos e Promoção).
Gonçalo Reis não começou nada bem o primeiro dia e ao ser o sexto classificado a mais de 20 segundos de Diogo Ventura, o vencedor da especial de abertura, colocou-se em posição difícil e desceu para a quinta posição de uma classificação que passou a ser liderada por Mário Patrão, na frente de Ventura, Felícia e Gonçalo Bandeira.
Até ao final do dia o equilíbrio foi uma constante e sempre com Mário Patrão na liderança até à entrada na derradeira especial, a 12ª do dia, foi o quarteto composto por Gonçalo Reis, Paulo Felícia, Mário Patrão e Diogo Ventura a dividir as vitórias na especiais. A última foi uma Extreme e aí foi Felícia quem fez a diferença ao conquistar a quarta especial do dia, com sabor especial porque lhe permitiu igualmente assumir o primeiro lugar final na prova por troca com Mário Patrão após ter ganho pouco mais de cinco segundos ao beirão, o que lhe valeu a vitória por magros dois segundos. Gonçalo Reis fechou o pódio a 16 segundos de Felícia, com Diogo Ventura a ser o quarto na frente do ‘crossista’ Henrique Venda que veio animar ainda mais o regresso do enduro ao Algarve. Felícia e Gonçalo Reis venceram as suas classes entre os pilotos da Elite, mas na classificação geral o piloto da Yamaha está agora mais perto de Reis, pois reduziu para metade a dezena de pontos que tinha de atraso à chegada a Messines.
Na categoria Nacional venceu Luís Oliveira, que tal como Reis e Felícia manteve a invencibilidade na classe, tendo sido ainda vencedores Luís Santos na Verdes I, João Silva na Verdes II, Mané Teixeira nos Veteranos e Tiago Martins na Promoção.
Depois da ronda algarvia o campeonato ruma de novo a Norte onde nos próximos dias 5 e 6 de Junho a caravana regressa a Vale de Cambra, considerada como a ‘Suiça’ de Portugal e que por norma proporciona sempre corridas de muito bom nível, tanto a nível nacional como mundial.

Hype Communications
Foto: Aroa Bouzo Filgueras (Arquivo)

CNE 2010 - Messines - Felícia mais forte

Paulo Felícia (E2) venceu o Enduro de Messines, batendo Mário Patrão (E2) na última especial do dia. O piloto da Yamaha entrou para especial final (extreme-test) com 3,7 segundos de desvantagem sobre o piloto da Suzuki, no entanto, com uma passagem exemplar na especial, obteve o melhor registo do dia batendo Patrão por 5,8 segundos, garantindo assim a vitória na geral por apenas 2 segundos.
Gonçalo Reis terminou em 3º da geral e venceu a sua classe (Elite 1).
Luís Oliveira venceu a classe Nacional.
Luís Santos venceu os Verdes 1 enquanto que João Silva foi o melhor na Verdes 2.
A classe de Promoção teve Tiago Martins como vencedor, enquanto que Mané Teixeira venceu nos Veteranos.


Foto: Ricardo Cardoso (Arquivo)

sexta-feira, 14 de maio de 2010

CNE 2010 - Messines faz estreia no Enduro


S. Bartolomeu de Messines é o novo destino dos enduristas lusitanos, prontos para enfrentar os trilhos algarvios na única prova do Campeonato com um só dia de duração. Em terreno virgem para a modalidade, veremos quem leva a melhor no próximo Domingo.

Na história do Enduro nacional, esta será apenas a segunda vez que uma prova de Campeonato tem lugar no Algarve (a outra aconteceu em 1988). Por isso mesmo, o pelotão vai partir à descoberta de um inédito percurso com 52 Km, explorando os trilhos da Serra de Silves, nos quais pontificam subidas íngremes, veredas, pedras e travessia de cursos de água. Alguns pontos de referência para observação serão a Barragem de Funcho, Herdade do Paul, Herdade de San’Ana e Cerro do Pico Alto.
A acctividade começa na noite de Sábado, com uma "super especial" de 2 Km traçada no Parque de Feiras de Messines, alinhando dois pilotos de cada vez em pistas paralelas.
No Domingo acontecem então as quatro voltas ao percurso, com três troços cronometrados em cada passagem. O "Enduro Test" (4 Km) situa-se no sítio das Passadeiras, o "Cross Test" (3 Km) no sítio dos Campilhos, e a Extreme (1 Km) será concebida no Parque de Feiras, com recurso a pedras, troncos, manilhas e outros materiais.
Organizada pela Associação Extremo Sul, esta é a terceira de seis jornadas do Campeonato, liderado na tabela absoluta por Gonçalo Reis. Quanto às classes, os seus comandantes ainda se encontram invictos, sendo eles Paulo Felícia (E2), Gonçalo Reis (E1) e Luís Oliveira (Nacional). Porém, as vantagens pontuais são curtas – logo, a concorrência deve aplicar-se a fundo em Messines para relançar aspirações na discussão dos títulos.


http://tt.extremosul.net/

Fonte: FMP

Basquextreme 2010

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Kimi Raikkonnen VS Taddy Blazusiak

Kimi Raikkonen aceitou o desafio e irá competir contra Taddy Blazusiak pelo melhor tempo no Prólogo Iron Road, na 16ª edição do Erzberg Rodeo.
Neste evento promovido pela Red Bull, o finlandês tripulará o seu Citroen C4 WRC, enquanto que o polaco estará aos comandos da KTM 250EXC.

Independentemente do resultado final, este será mais um evento interessante no recheado programa do Erzberg Rodeo, que se realiza entre os dias 3 e 6 de Junho.

quarta-feira, 12 de maio de 2010

TT turístico - Encostas do Alvão

Preço da inscrição: 25€ para não sócios e 20€ para os sócios.

A inscrição inclui:
Seguro
Pequeno Almoço
Reforço alimentar a meio do percurso
Banho no final do raid
Jantar
Brindes

O Percurso é realizado por roadbook com algumas zonas fitadas.
A inscrição pode ser realizada por email rotadura@gmail.com ou telemóvel até dia 21 de Maio.
Tel José Ferreira - 962 288 389
Tel Nando - 935 940 094
Tel José Ramos - 960 147 841

http://www.rotadura.com

A Hora da Partida 10 horas. Convém estar às 9 na zona de partida para fazer o seguro.
O Local de partida Monte da Forca Parada de Cunhos (1ª saida IP4 Régua Santa Marta de Penaguião).

Equipa Bianchi Prata/Vodafone prossegue confiante para o Enduro de Messines

A terceira prova do nacional de Enduro 2010 terá lugar nos dias 15 e 16 de Maio, na freguesia de São Bartolomeu de Messines, concelho de Silves.
O percurso da prova contará com 52km de extensão, já com as três especiais cronometradas incluídas e a Super Especial Nocturna.
A Equipa Bianchi Prata/Vodafone irá participar com o piloto CIN, Elias Rodrigues em BMW G 450X.
A Super Especial Nocturna, de 2km, decorrerá no primeiro dia de competição, às 20h com os pilotos a saírem dois de cada vez, numa pista paralela.
As especiais cronometradas: Extreme KIA Motors 2010, Cross Test e Enduro Test terão aproximadamente 1km, 3km e 6km respectivamente. Estas serão percorridas pelos pilotos em prova, no dia 16, tendo início previsto às 10h.
Elias Rodrigues, que tem treinado arduamente, partilha as suas expectativas relativamente à prova algarvia: “ espero ganhar a classe que vou disputar e tentar fazer melhores tempos na geral. Tenho treinado bastante, até em provas de motocross e estou confiante numa boa prestação.”
O responsável do Team Bianchi Prata/Vodafone comenta a participação do piloto da equipa no Enduro de Messines: “o Elias é um piloto muito jovem e uma grande aposta da nossa equipa, está na frente do campeonato e o nosso objectivo é a vitória, dentro de dois anos se continuar a treinar e com esta dedicação vais estar no lote dos melhores pilotos nacionais.”
A Associação Extremo Sul, entidade que organiza esta prova, tem cerca de 100 pilotos inscritos e espera receber mais de 4000 espectadores para testemunharem as emoções proporcionadas por esta competição.

Texto: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata – Beatriz Martins
Fotos: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata - José Carlos Silva

CNTT 2010 - Beja/Montes Alentejanos - Dia de Maio

António Maio ganhou nas motos a Baja Cidade de Beja/ Montes Alentejanos, a qual liderou sempre desde o Prólogo até ao final do sector selectivo.

Em termos climatéricos, este fim-de-semana nem parecia de Maio. No Sábado, durante o Prólogo houve alguns chuviscos, mas na noite seguinte choveu muito. O fenómeno perdurou de forma intermitente na manhã de Domingo, deixando o terreno bastante enlameado e escorregadio. As projecções de lama provocaram problemas de visibilidade, influenciando mesmo alguns abandonos ao longo dos 291 Km de sector selectivo, enfrentado por 84 concorrentes – 27 nas motos, 36 nos quads e 21 em UTV/ Buggy.
No entanto, o dia foi mesmo de Maio, o credenciado piloto que começou por ser o mais rápido no Prólogo, para hoje abrir o percurso em grande ritmo. Sensivelmente a meio do sector selectivo António Maio tinha 1m20s de vantagem para Mário Patrão, e essa diferença pouco variou na parte complementar, pois o alentejano venceu com 1m05s sobre o comandante do Campeonato.
João Nobre também esteve em destaque, pois durante a maior parte da prova segurou o 3.º lugar, que só perdeu na ponta final para Luís Ferreira, o melhor representante da classe TT1. Na 5.ª posição acabou o primeiro da TT3, Paulo Gonçalves, diante de Filipe Sampaio. Nos lugares seguintes ficaram David Megre, Frederico Fino – afectado por uma má escolha de pneus – Fernando Ferreira e Norberto Teixeira, este último o vencedor da Promoção. Na lista de abandonos, saliência para Ruben Faria, devido a avaria.

O Campeonato Nacional de Todo-Terreno tem três jornadas já realizadas, mas entra agora em "férias grandes", pois a próxima prova está marcada para o primeiro fim-de-semana de Setembro.

Fonte: FMP