terça-feira, 11 de junho de 2013

Joaquim Rodrigues venceu o 2º Enduro Cross da Marinha Grande

A localidade de Picassinos na Marinha Grande recebeu no passado Domingo o 2º EnduroCross da Marinha Grande.
40 pilotos marcaram presença em mais uma grande festa do motociclismo Nacional numa prova levada a cabo pelos Trilhos da Areia.
O publico da Marinha Grande aderiu em massa e superou as 2000 mil entradas numa noite de muita adrenalina.

Joaquim Rodrigues no salto para a vitória
Casa cheia em Picassinos em um dos muitos campos de futebol abandonados e sem atividade que desta forma conseguem rentabilizar o espaço e proporcionar animação à população local.

Depois das mangas de qualificação e das meias-finais, por volta da meia noite tinha lugar o “prato principal” a final PRO.

Joaquim Rodrigues Junior não deixava os seu créditos em mãos alheias e arrancava na frente para vencer e dar espetáculo. O piloto de Barcelos aproveitou as “férias” em Portugal para vir até à Marinha Grande e animar e o público presente com a sua técnica e audácia a ultrapassar os obstáculos da pista de EnduroCross. Agora a correr no Brasil, Joaquim Rodrigues esteve presente a convite da MX Surf e venceu de forma clara com uma vantagem muito confortável da primeira à ultima curva.

No segundo lugar ficou o também piloto da MX Surf, Hugo Santos. O pluri-campeão Nacional de Motocross e Supercross alcançou o segundo lugar depois a uma animada luta com Gonçalo Reis. Hugo Santos, estreante nestas provas, esteve em grande nível e o segundo lugar um premio bem merecido.

No lugar mais baixo do pódio ficava o “endurista” Gonçalo Reis. “Sol Posto” como é conhecido, mostrou um andamento diabólico aos comandos de uma mais pequena 250f e grande técnica nos obstáculos mais complicados.

No quarto lugar terminava ex piloto de trial João Ribeiro que agora está a tempo inteiro no Enduro Nacional. O jovem de Baltar voltou a mostrar que é um dos especialistas neste tipo de provas e a sua regularidade trazia frutos no final da prova. Logo atrás do João terminou o piloto de Todo-o-terreno, David Megre. O ribatejano esteve sempre bastante regular e eficaz e conseguia assim trazer para Coruche um bom resultado.

A fechar o top 6 ficou Fábio Pereira. No seu regresso à competição o piloto de Torres Vedras voltou a mostrar que é um dos pilotos mais rápidos nestes tipo de pista. Fábio que de momento está a travar uma luta “especial” e por isso o também nosso especial carinho e agradecimento pela sua presença. 

Antes da final PRO teve ainda lugar a final Hobby para os pilotos não qualificados. Esta final foi vencida por Tiago Guia seguido do pai de Gonçalo Reis, Luís Reis que mostrou mais uma vez que “velhos são os trapos”. No terceiro posto a fechar o pódio ficava Tomas Soeiro.

Uma grande noite de espetáculo onde o publico vibrou com este tremendo evento que tem tudo para ser um marco na história da Marinha Grande.

João Ramos promotor desta prova estava satisfeito com o saldo final - “Julgo que tudo correu muito bem, tivemos casa cheia, 40 pilotos e muita animação, os pilotos acharam o público marinhense fantástico e mais uma vez ficou provado que podemos ter grandes provas de motos na Marinha Grande mas precisamos de mais apoios, de qualquer forma tenho que agradecer ao clube Os Vidreiros, à Câmara Municipal da Marinha Grande e a todos os patrocinadores do evento, sem eles não seria possível. Queremos mais e melhor, mas para isso precisamos de mais apoio e espero que esta grande noite seja o ponto de partida para muitas mais.”  

Classificação final PRO:
1º Joaquim Rodrigues Júnior
2º Hugo Santos
3º Gonçalo Reis
4º João Ribeiro
5º David Megre
6º Fábio Pereira
7º Filipe Costa
8º José Pimenta
9º Paulo Miranda
10º Carlos Pedrosa
11º Nelson Soares
12º Gonçalo Gil

Classificação final Hobby:
1º Tiago Guia
2º Luís Reis
3º Tomas Soeiro
4º Celso Moreira
5º Bruno Martins

Fonte: www.extrememx.net
Fotos: ModoJ

Sem comentários: