sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Dia complicado para Ruben Faria


Não foi fácil o penúltimo dia do Rally dos Sertões para Ruben Faria. Na segunda metade da etapa-maratona o piloto de Olhão não teve um dia fácil e acabou mesmo por descer na classificação geral, ocupando agora o nono posto quando falta apenas mais uma etapa para terminar este Rally dos Sertões 2014. Com o sexto lugar na sua posse esta manhã no arranque para os 179 quilómetros da especial que começou e acabou em Diamantina, Faria acabou por não conseguir melhor que o 10º posto no dia, caindo três posições na tabela classificativa.

‘Não foi nada fácil este penúltimo dia de prova. A especial era muito rápida e mais uma vez chegar aos adversários era muito complicado com o pó que se levanta. Arrisquei um pouco na fase inicial mas como fizemos etapa maratona cedo percebi que não tinha o pneu traseiro nas melhores condições por estar já um pouco desgastado. Após duas saídas de pista optei por baixar o meu ritmo e nessa fase saí novamente de pista e fiquei preso num buraco. Nada de grave se fosse um dia mais longo, mas numa especial curta o tempo perdido no final acabou por me fazer baixar na classificação. Foi pena...mas as corridas são mesmo assim.’

Ruben Faria espelhava a desilusão no final desta jornada, restando apenas uma etapa para fechar a prova a recuperação será quase impossível em condições normais, mas Ruben Faria não perde a esperança de pelo menos recuperar até Belo Horizonte algum do tempo que hoje perdeu.

‘A minha moto tem estado impecável e conto com ela para amanhã. O resultado está quase feito mas ainda posso ser oitavo. É isso que vou procurar atingir amanhã na chegada a Belo Horizonte.’

Amanhã os pilotos presentes no Rally dos Sertões enfrentam a derradeira etapa da prova, com partida de Diamantina e chegada a Belo Horizonte. Serão 337 quilómetros para percorrer, dos quais 126 serão cronometrados.

Hype Communications

Sem comentários: