quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Porto Extreme XL Lagares 2014 - O aprendiz superou o seu mestre

Esta é a história de um piloto de 25 anos que, após ter iniciado a sua carreira no trial e ter-se sagrado Campeão do Mundo Júnior em 2011, rendeu-se ao Extreme Enduro, modalidade que tem na Porto Extreme XL Lagares um perfeito exemplo. O seu nome: Alfredo Gomez Cantero.

Alfredo Gomez Cantero - Piloto ofical HUSQVARNA

Desde cedo, mostrou que não seria "mais um" na modalidade. Ainda em 2011, estreia-se na Extreme XL Lagares e conquista um assombroso 2º lugar atrás de Doug Lampkin. 
Em 2012, repete a posição e em 2013 termina em terceiro mas, a esse resultado, soma diversos top 5 nas mais importantes provas mundiais, com destaque para Erzberg(3º), Sea to Sky(3º) e vitória no Ukupacha (competição por equipas) ao lado do seu colega de equipa e "professor", Graham Jarvis, 39 anos, 1º no ranking "Kings of Extreme Enduro" nesse mesmo ano com 6 vitórias nas 7 provas que definem o ranking, entre as quais, Lagares.

O aluno estava a aprender mas faltava a vitória individual...

2014 começou com uma apendicite e, em Julho, Gomez parte um pé na Gordexola Extreme. A temporada estava a correr mal.
Mas a tenacidade só está no ADN de alguns e só vence a Porto Extreme Lagares quem a tem..

Gomez em acção

Depois da vitória no prólogo, a especial nocturna corre mal a Gomez e Jarvis, terminando os dois pilotos a mais de 3 minutos do vencedor, Dani Gibert.
No domingo, dia da corrida principal, Alfredo Gomez rapidamente assume o comando das operações, mostrando toda a sua determinação em tornar o dia num marco na sua carreira. 
Atrás de si segue Graham Jarvis e no final da 1ª volta, o espanhol tem uma vantagem significativa de 3 minutos e 27 segundos sobre o britânico.
A primeira parte da segunda volta não corre bem a Gomez e Jarvis, 3 vezes vencedor da XL Lagares, consegue mesmo ultrapassá-lo. 

Momento da ultrapassagem de Jarvis a Gomez na segunda volta

Mas Gomez mostra toda a sua fibra e mais uma vez passa o seu "mentor" garantindo a vítoria final. A sua primeira vitória individual numa prova de Extreme Enduro.
Graham Jarvis foi segundo classificado e Mário Roman terminou na terceira posição.
Os 3 pilotos foram também os 3 primeiros classificados da categoria PRO, que contou com a presença de 3 pilotos portugueses: Gonçalo Reis, João Ribeiro e Joaquim Rodrigues. Apenas João Ribeiro, aos comandos de uma Sherco, terminou a prova, na 8ª posição.

Classe Expert
Na classe Expert, o vencedor foi o inglês Andrew Noakley com uma KTM. A cerca de 8 minutos e 26 segundos terminou o português Paulo Russo aos comandos de uma AJP, mostrando mais uma vez todo o potencial da moto portuguesa. Na terceira posição e já a mais de 29 minutos do vencedor, terminou Mark Jackson.

Andrew Noakley


Classe XL
Na classe por equipas, a melhor dupla foi a de Marcelo Vieira e Carlos "Skina". Os pilotos, aos comandos de Yamahas, completaram a prova em 3 horas e 25 minutos. Na segunda posição ficaram Hélder Santos e Marcio Santos a 13 minutos e 16 segundos dos vencedores. Na 3ª posição, terminarm António Silva e Fernando Sobrosa. A classe contou com a presença da piloto Rita Vieira ao lado do seu irmão, ambos aos comandos de AJP´s.

A dupla nº 215 venceu a classe das equipas


Classe Hobby
Márcio Barbosa, aos comandos de uma KTM, bateu Pedro Moreira (Husaberg) por apenas 57 segundos, após mais de 3 horas de competição. Na 3ª posição ficou Filipe Moreira, a 4 minutos e 17 segundos do vencedor. Esta classe foi a que registou mais inscritos mostrando que são muitos os pilotos que querem experimentar esta prova mítica e têm como desafio, evoluírem para subir às classes seguintes.

Marcio Barbosa


Video com os melhores momentos:


Fotos: Extreme XL Lagares, OneShotFoto e Pedro Meira

Sem comentários: