quarta-feira, 15 de abril de 2015

Mário Patrão: “Este é um ano zero, mas sinto que estamos no bom caminho”


Depois de um arranque inglório na edição de 2015 do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, com uma queda a ditar o abandono na prova inaugural em Góis, Mário Patrão foi mais feliz no Raide TT da Ferraria, segunda prova da temporada e que se realizou este fim-de-semana no concelho de Gavião. 

Agora aos comandos de uma KTM, moto com a qual prepara conquistar novos horizontes além-fronteiras, Mário Patrão mostrou-se mais ambientado à máquina austríaca neste Raide TT da Ferraria e mesmo depois de uma aparatosa queda ainda no sábado, por ocasião do prólogo de 20 quilómetros cronometrados, no domingo progrediu ao longo das quatro voltas a um percurso na ordem dos 60 quilómetros terminando no 2.º lugar final.

“Esta prova terminou melhor do que começou. No prólogo dei uma queda que me deixou bastante maltratado, a mim e à minha KTM, mas no domingo tentei encontrar o meu ritmo e fui subindo gradualmente volta após volta até chegar ao segundo posto absoluto”, referiu o piloto português do Crédito Agrícola. “Vamos continuar focados no trabalho que estamos a fazer, este é um ano zero mas sinto que estamos no bom caminho. Preciso rodar mais com a mota e voltar a ganhar a confiança que tinha para chegar aos bons resultados”, concluiu Mário Patrão.

No programa desportivo de 2015 de Mário Patrão está a participação na continuidade do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, bem como algumas provas do “Mundial” de Ralis TT como preparação do Dakar 2016.

Conceito Media

Sem comentários: