segunda-feira, 20 de abril de 2015

Paulo Gonçalves inicia com 5.º posto no Qatar


Paulo Gonçalves iniciou hoje no Qatar a segunda prova do Campeonato do Mundo de Ralis Todo-o-Terreno, o Sealine Cross-Country Rally 2015, ronda que integra cinco etapas de exigente navegação pelo deserto árabe.
Num total de 194.08 quilómetros cronometrados desta primeira de cinco etapas sobre o deserto do Qatar, Paulo Gonçalves foi o quinto mais rápido do dia a 4min09s do vencedor Marc Coma, que gastou um total de 2h19min01s a percorrer a tirada. Depois do desaire na primeira jornada, em Abu Dhabi, o piloto português oficial Honda foi dos primeiros a entrar em pista no Qatar e acabou por ser apanhado pelos seus perseguidores ao longo da “especial”.
“Terminei em quinto hoje com alguns erros de navegação. Partindo do pressuposto de que esta é a corrida mais difícil do campeonato em navegação, é normal que se cometam alguns erros. Esta posição dificulta a restante classificação deste rali, pois todos os pilotos que terminaram à minha frente podem escolher o lugar de partida para a etapa amanhã. Ainda que não esteja de acordo com esta nova regra, que condiciona em muito as classificações das provas, vou continuar a trabalhar para no final conseguir o melhor resultado possível. A minha mota está num bom nível e isso é o mais importante”, referiu Paulo Gonçalves.
O piloto de Esposende, que durante a temporada de 2015 transporta as cores do Sport Lisboa e Benfica, segue para já no quinto lugar da tabela classificativa geral desta segunda prova do Mundial de Ralis.
A segunda etapa do Sealine Cross-Country Rally cumpre-se num total de 476 quilómetros, dos quais 397.56 a contra-relógio.
Conceito Media

Sem comentários: