sexta-feira, 15 de maio de 2015

Mathias Bellino vence Super Especial em Gouveia


Perante várias centenas de espectadores o final da tarde de hoje marcou o arranque desportivo da terceira prova do campeonato do mundo de enduro que se realiza até ao próximo Domingo em Gouveia. Num percurso com cerca de 800 metros, repleto do mais diversos obstáculos naturais todos os pilotos lutaram pelas bonificações que são atribuídas aos oito primeiros da classificação.

Após um dia quente a Super Especial iniciou perto das 19 horas e com os pilotos a competirem lado a lado em pistas paralelas foram sem surpresa os homens das principais categorias que assumiram posições de destaque, com a vitória em termos absolutos a sorrir ao francês Mathias Bellino que aos comandos da sua Husqvarna assinou o melhor tempo absoluto entre os mais de cem participantes, repetindo assim o que tinha feito na passada semana em Jerez de La Frontera aquando da segunda prova do campeonato. Bellino foi assim sem surpresa dos pilotos da classe maior, a Enduro 3, batendo Matti Seistola por apenas 91 milésimas, sendo o finlandês o segundo mais veloz em termos absolutos. Uma vitória que vale a Bellino uma bonificação de nove segundos no seu tempo absoluto no dia de amanhã. Na competitiva classe Enduro 2 foi Loic Larrieu o melhor na frente de Alex Salvini, separados por escassas 78 milésimas entre eles e deixando ambos para trás os candidatos Antoine Meo e Pierre Alexander Renet, com o primeiro em terceiro e o campeão do mundo em oitavo.

Entre os atletas da Enduro 1 foi o veterano Simone Albergoni a vencer na frente de Lorenzo Santolino, sendo a Super Especial marcada pela queda de Christophe Nambotin logo numa das primeiras curvas, com o líder do campeonato a cumprir o restante percurso em ritmo lento para ser o último da classe. 

Nos Juniores venceu o espanhol Kirian Mirabet, sendo imitado por Josep Garcia na Taça Juventude, Laia Sanz nas Senhoras e Fernando Ferreira na Open, classe onde militam em exclusivo pilotos portugueses. Entre os pilotos portugueses que participam nas classes de campeonato do mundo o melhor em termos absolutos foi Diogo Ventura, o actual quarto classificado no mundial júnior, tendo o piloto de Góis assinado o décimo tempo na classe com 1m37.06s. Luís Oliveira foi o 19º da classe com 1m45.54s.


Luís Correia representa Portugal na classe Enduro 3 e foi o 13º da classe, Gonçalo Reis foi o 14º na Enduro 2 e Joaquim Rodrigues o 12º em Enduro 1. 

A prova continua amanhã no seu primeiro dia ‘a sério’, com a partida a ser dada ao primeiro ás 9 horas da manhã no Parque da Senhora dos Verdes em Gouveia, estando junto ao mesmo todas as especiais de classificação, que amanhã serão percorridas num total de 11 vezes. Um dia que terá cerca de sete horas consecutivas de competição e onde serão conhecidos os primeiros vencedores desta ronda do campeonato do mundo em Gouveia.

Hype Communications

Sem comentários: