quarta-feira, 25 de maio de 2016

Queda de Fausto Mota obriga a evacuação do piloto


Fausto Mota, piloto da equipa CRN Competition, sofreu uma forte queda na terceira etapa do Merzouga Rally, a primeira parte da dura e difícil etapa maratona desta competição de Todo-o-Terreno que se está a disputar em Marrocos. Assistido em primeira instância pelo seu companheiro de equipa Rui Oliveira, que de imediato solicitou a vinda de um helicóptero da organização, o piloto foi de seguida transportado para o hospital. Com uma luxação numa anca e sem indicações de qualquer traumatismo craniano, de que se chegou a suspeitar, o piloto foi já hoje repatriado para Portugal.

“Foi uma queda violenta que não percebo muito bem como aconteceu. Estávamos numa pista aberta, vinha atrás dele quando o vi cair ao longe. Quando cheguei ao pé dele estava inanimado. Acionei de imediato o pedido de assistência e passado um bocado chegou o helicóptero. Quero agradecer ao Fernando Sousa Jr. que parou também e me acompanhou nesta fase complicada até chegar o apoio médico. Espero que o Fausto recupere depressa”, salientou Rui Oliveira que acompanhou o seu companheiro nesta hora de infortúnio e não continuou em prova.

Rui Oliveira está já de regresso a Portugal onde, no próximo Sábado e no Domingo, vai disputar a Baja de Loulé terceira etapa do campeonato nacional de todo-o-terreno.

A2 Comunicação

Sem comentários: