sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Vitória de Nuno Freitas no calor da Lousã


Após o interregno de verão, a caravana do Nacional de Enduro deslocou-se à Lousã para realização da penúltima corrida do campeonato. Pela primeira vez os pilotos enfrentaram uma jornada dupla que se tornou particularmente difícil devido às elevadas temperaturas. O veterano Nuno Freitas vendeu a sua classe no Sábado e no Domingo alcançou o segundo lugar, acabando por subir ao lugar mais alto do pódio após o somatório dos tempos de ambos os dias: “O maior desafio deste enduro foi resistir às temperaturas elevadíssimas que tornaram o percurso dificílimo apesar de não ter dificuldades. Penso que nunca fiz uma corrida com estas temperaturas. Gostei bastante das especiais nas primeiras passagens mas depois degradaram-se muito e tornaram-se mais complicadas, felizmente estou bem fisicamente e consegui manter o ritmo. A hidratação foi fundamental e mais uma vez o acompanhamento da Herbalife foi crucial. Foi pena o erro cometido no Domingo numa passagem pela Extreme onde perdi cerca de 15s que não consegui recuperar nas restantes especiais. Relativamente à luta pelo título tudo ficou na mesma, se no Sábado venci a classe por larga margem, no Domingo perdi por menos de 5 segundos, resultando numa divisão de pontos com o meu adversário direto. Continuo apenas a 1 ponto do primeiro lugar e que me obriga a vencer-lhe nos dois dias de Alcanena." 

Foto: One Shot Foto

Sem comentários: