domingo, 2 de outubro de 2016

CNTT 2016 - Ferraria - Maio conquista a 5ª vitória do ano


A 29ª edição do Raid TT Ferraria - Vinhos Quinta dos Garfos – Município do Gavião definiu os primeiros campeões nacionais de TT no ano de 2016. Com organização a cargo do Centro Cultural Recreativo e Desportivo da Ferraria realizou-se este fim-de-semana a penúltima prova do Nacional TT 2016. Dividida por dois dias de competição as decisões finais foram chegaram apenas com a bandeira de xadrêz no final do longo segundo dia realizado hoje nas rápidas pistas alentejanas do concelho do Gavião.

Depois de o dia de Sábado ter sido reservado a um sector selectivo com 30 quilómetros de extensão, os pilotos das três categorias do Nacional de TT cumpriram hoje quatro voltas a um percurso com 66 quilómetros de extensão, para um total de 264 quilómetros que definiram os vencedores da penúltima prova do campeonato nacional e os primeiro campeão absoluto da época.

Misturando as conhecidas zonas rápidas com outras mais sinuosas e estreitas desta região o terreno seco obrigou a esforço acrescido por parte de todos os pilotos, especialmente aqueles com pior posição na linha de partida para o dia de hoje. 

Indiferente a tudo isso António Maio assinou mais uma vitória no campeonato, a quinta do ano, sendo mesmo o único piloto a conseguir cumprir a totalidade do percurso definido abaixo das três horas. O piloto alentejano voltou a derrotar o seu colega de equipa e líder do campeonato, Sebastian Buhler, que com a segunda posição alcançada novamente leva a decisão do campeonato para a derradeira prova do ano, segurando ainda uma vantagem de três pontos face a Maio. A terceira posição foi para João Lourenço, a conseguir um brilhante resultado na sua estreia na especialidade neste temporada, batendo Gustavo Gaudêncio, o vencedor em TT3 que foi forçado a uma prova em recuperação depois de um toque numa árvore ter deixado  a sua moto sem travão dianteiro no dia de ontem. Salvador Vargas fechou o lote dos cinco melhores.

António Maio venceu a classificação absoluta e a classe TT2, Sebastian Buhler foi o melhor em TT1 - reforçando ainda mais o ceptro que já tinha garantido no final da prova anterior - e Gustavo Gaudêncio o melhor em TT3, com Maio a passar para a frente da classificação da classe face ao até líder António Pereira e Gaudêncio a ficar mais próximo do título da classe, ficando tudo por decidir na Baja de Portalegre.


CLASSIFICAÇÕES

Absoluto Moto
1º António Maio - Yamaha com 2h56m06.56s
2º Sebastian Buhler - Yamaha a 6m47.94s
3º João Lourenço - Sherco a 13m10.67s
4º Gustavo Gaudêncio - Honda a 14m48.20s
5º Salvador Vargas - KTM a 15m26.34s
6º António Pereira - Yamaha a 17m34.03s
7º Pedro Oliveira - Honda a 19m40.52s
8º Fausto Mota - Yamaha a 21m55.08s
9º Domingos Santos - AJP a 21m57.69s
10º Sandro Carolino - KTM a 31m20.83s

TT1
1º Sebastian Buhler - Yamaha com 3h02m54.50s
2º João Lourenço - Sherco a 6m22.73s
3º Pedro Oliveira - Honda a 12m52.58s
4º Fausto Mota - Yamaha a 15m07.14s
5º Domingos Santos - AJP a 15m09.75s

TT2
1º António Maio - Yamaha com 2h56m06.56s
2º António Pereira - Yamaha a 17m34.03s
3º Sandro Carolino - KTM a 31m20.83s
4º Tiago Carvalho - KTM a 35m46.16s
5º André Lourenço - KTM a 51m59.34s

TT3
1º Gustavo Gaudêncio - Honda com 3h10m54.76s
2º Salvador Vargas - KTM a 38.14s
3º Francisco Lopes - Yamaha a 29m19.91s
4º Rui Costa - Husqvarna a 34m08.21s
5º Paulo Cardoso - Yamaha a 54m39.95s

FMP

Sem comentários: