sexta-feira, 24 de março de 2017

TLG 2017 - Dominguez conquista a 3ª vitória da temporada em Chaves

Daniel Carracedo Dominguez continua a ser o homem a bater no TLG2017

O Enduro da Eurocidade, terceira prova do Troféu Luso Galaico Mota de Monte 2017, realizou-se no passado domingo em Chaves e, tal como em Caminha, em conjunto com a Liga Galega da Mota de Campo.
Daniel Dominguez voltou a triunfar, somando assim a terceira vitória da temporada em três provas realizadas. O melhor português foi André Mouta, na quarta posição da Geral. Estes pilotos ocuparam também os dois primeiros lugares da classe principal, a PRO, com Juan Rodiño a terminar no terceiro posto.

 André Mouta foi o melhor português na quarta posição da Geral

Na classe Expert, Márcio Antunes levou a melhor sobre os seus adversários, aproveitando da melhor forma a ausência de Gerson Pinto, vencedor das duas provas anteriores.
O segundo lugar do pódio ficou para Abel Vidal, à frente de Hélder Fernandes. Em termos de Troféu, são apenas 10 pontos que separaram os 5 primeiros. 

Márcio Antunes

Miguel Fernandes voltou a dar espectáculo com a sua "oitavo de litro" clássica. Aos comandos de uma Honda CR 125 de 1993, o piloto venceu a Enduro 1, registando o melhor tempo em quatro das seis especiais (2 voltas). Telmo Sousa ficou a 47,12 segundos e Marcelo Vieira a 1 minuto e 17,51 segundos.

Miguel Fernandes

Enduro 2 esteve completamente ao rubro, com os três primeiros a terminarem separados por apenas 3,69 segundos. Nuno Pinto foi o vencedor, com 3,43 de vantagem sobre João Silva que, por sua vez, bateu Anibas Botelho por 26 centésimos de segundo. Com Filipe Gomes e António Gonçalves a abandonarem a prova, 3 pontos separam agora os quatro primeiros na classificação do Troféu.

Nuno Pinto

Luís Vasconcelos continua invicto na Enduro 3 e deixou o segundo classificado, Pedro Roque, a 46,52 segundos. Carlos Calvão conquistou o degrau mais baixo do pódio com pouco mais de 1 segundo de vantagem sobre Daniel Pinto e a 1 minuto 3,66 segundos do vencedor.

Tal como Luís Vasconcelos na Enduro 3, também Diogo Parente ainda só conheceu o sabor da vitória nesta temporada nos Juniores. No entanto, se em Caminha foram quase 2 minutos a sua vantagem no final da prova para Daniel Branco, desta feita apenas 13,78 segundos separam os dois pilotos, com Branco a vencer inclusivamente duas especiais das seis que tiveram pela frente.
Na terceira posição e a quase minuto e meio de diferença, ficou Rui Fernandes.

Diogo Parente

Nos Veteranos, Nuno Freitas dominou a prova a seu bel-prazer, vencendo 5 das 6 especiais e deixando António Faria, segundo classificado, a 1 minuto e 6 segundos. O terceiro lugar ficou entregue ao líder do troféu, Albano Mouta, que venceu a primeira passagem pela Cross Test. 6 pontos separam agora estes três pilotos nas contas do Troféu.
De destacar ainda o facto de que Nuno Freitas, quando terminou a sua prova no final da segunda volta, ocupava o 12º lugar da Geral entre pilotos do Troféu Luso Galaico e da Liga Galega.

Nuno Freitas

Nos Super Veteranos, Paulo Ribeiro foi o vencedor com 8 segundos de vantagem sobre Luís Oliveira e 1 minuto e 19,32 segundos sobre Domingos Gonçalves. Oliveira é líder isolado no Troféu, com 67 pontos, mais 42 que Ignacio Ponga.

Os acontecimentos estiveram bastante animados na Promoção, com 8 segundos a separarem os três primeiros. Jorge Araújo venceu pela primeira vez na temporada, seguido por Emanuel Ferreira e Pedro Oliveira.
O líder do Troféu, Rui Cunha, concluiu a prova na quarta posição, a 20,70 do vencedor.

No Enduro da Eurocidade sentiu-se a falta das Senhoras, que contribuem sempre com uma presença muito especial, não tendo havido pontuações nesta classe.

Concluídas as três primeiras provas de Enduro, é tempo de X-Country. A prova em Baltar, agendada para o dia 2 de Abril, foi adiada por motivos de conflito de calendário com o Campeonato Nacional de Enduro e Troféu Regional de Motocross, pelo que a Organização brevemente anunciará nova data.

Foto: One Shot Foto e PM-Images

Sem comentários: