segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Quintadona volta a ser o centro da acção da Porto. Extreme XL Lagares em 2017


Em 2017 , o centro da acção volta a Quintandona, em Lagares!

Com o intuito de melhorarmos as condições da corrida, tanto para quem participa, como para quem vai assistir, decidimos voltar à aldeia de Quintandona, bem no centro de Lagares.

O paddock, e parque fechado da corrida, serão em Quintandona, bem como outros equipamentos/serviços que estarão disponíveis para acolher os milhares de pessoas que visitam Lagares nesse fim de semana, incluindo uma tenda para FESTA NOCTURNA.

O prólogo da Ribeira do Porto será no sábado, das 10:00 às 16:00 (hobby até PRO) . 

Este ano, a corrida da noite será em "modo" EnduroCross, em Quintandona numa especial montada para o efeito (hobbie e XLcomeçam às 18 horas; expert/PRO das 21 às 22:30. Depois disso festa para os mais duros!!!!!!!!

(Clique para ampliar)

Para facilitar a vida aos espectadores, iremos ter disponíveis parque de estacionamento para automóveis, parque de estacionamento para motas devidamente vigiado (pra quem leva mota), comida, bebida, bombeiros, restaurantes, etc, não falta nada...

Já ficam com uma ideia do que estamos a preparar para este ano...
Vão deixando crescer a barba!!

* mais perto da corrida teremos folhetos com todas as informações necessárias, desde horários a localizações.

Organização

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Gonçalo Reis em segundo na jornada dupla de Valpaços


(Clique para ampliar)

Fotos: OneShotFoto e Team Solposto

Ronda azarada para o Momento TT Racing Team em Valpaços


Valpaços foi palco da segunda prova da temporada, depois de uma ronda de abertura que tinha sido marcada pela chuva.

Os dois pilotos da equipa acabaram por ter falta de sorte em ambos os dias. Logo na fase inicial do 1º dia, André Marques sofreu uma aparatosa queda, desistindo com uma lesão contraída no pulso. Felizmente a lesão não foi grave, não comprometendo assim o resto da temporada de Enduro, nem o inicio do nacional de Motocross.

Nos Verdes 3, Iuri Barbosa foi regular na 1ª etapa, terminando com o 8º lugar. Já no 2º dia as coisas correram de forma diferente, com o piloto da KTM a ser atingido no olho por uma pedra projetada, que levou mesmo a que tivesse de parar para ser assistido pela equipa médica. Conseguiu ainda assim retomar a prova, mesmo com uma penalização pelo tempo perdido na assistência médica, baixando para 9º. Com os contratempos, somou preciosos pontos que o deixam perto do Top5 no campeonato.

Tiago Miguel comentou que “foi uma prova marcada pelo azar. A lesão do André e os problemas que o Iuri sofreu no 2º dia, comprometeram o nosso resultados, mas vamos continuar o nosso trabalho para o resto do campeonato de Enduro, bem como estar na máxima força no Motocross.”

Comunicado de Imprensa Momento TT Racing

Ecmoto no pódio do Enduro de Valpaços


Valpaços acolheu a segunda ronda da temporada, naquela que foi a única prova do ano com dois dias, com um percurso marcado pela beleza da zona norte, que foi do agrado da generalidade dos pilotos, bem como as especiais cronometradas que estiveram nas melhores condições.

O Team Ecmoto voltou a estar presente em diversas categorias, com sortes diferentes para os vários atletas em ação.

Ulisses Rossa conquistou o seu primeiro pódio! No ano em que está pela primeira vez na categoria Super Veteranos e a fazer toda a temporada, levou a sua Beta ao Top5 em ambos os dias de prova, o que valeu um 3º posto no resultado do somatório final, logo atrás do Campeão da classe na temporada passada. Um resultado que demonstra a evolução registada nas primeiras jornadas, e abre boas expectativas para o resto do campeonato.

Na Youth Cup, categoria reservada às esperanças no futuro da modalidade, Pedro Leitão foi também um piloto em evidência, sendo o 4º classificado na geral dos dois dias, depois de ter sido 8º no primeiro dia e 4º no segundo.

Na classe Veteranos, as coisas não correram da melhor forma para a dupla de pilotos apoiada pela Briopul. Gabriel Seco sofreu uma aparatosa queda, acabando por abandonar ainda no 1º dia de prova. Pedro Rodrigues esteve perto de entrar no top10 do primeiro dia, concluindo em 11º, enquanto que no 2º dia de prova não viria a completar a etapa.

Em termos de classe Hobby, boa evolução para João Marques, conseguindo desta vez ser 14º na geral da prova, enquanto Alberto Carvalho entrava no Top20, concluindo em 19º.

Uma jornada que registou o primeiro pódio para os pilotos Ecmoto apoiados pela Caixa de Crédito Agrícola, havendo agora uma paragem de mais de um mês, dando assim tempo para uma melhor preparação das próximas jornadas do campeonato.

Comunicado de Imprensa Team Ecmoto

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Pedro “Botas” alcança primeiro pódio da época no Nacional de Enduro


O piloto amarantino, Pedro “Botas” esteve presente na segunda prova do Campeonato Nacional de Enduro que decorreu no passado fim-de-semana na cidade transmontana de Valpaços. Prova esta de dupla jornada, realizada no Sábado e Domingo, com um percurso de aproximadamente 45Km, como habitual com as 3 especiais percorridas por 3 vezes, em cada um dos dias.

Esta foi a primeira prova do Troféu Sherco e o piloto que este ano corre de SHERCO 300 SEF-R SIX DAYS, conseguiu um saboroso pódio nesta competição no acumulado dos dois dias, Sábado e Domingo.

“Foram dois dias duros, devido ao estado do piso, bastante enlameado, principalmente nas ligações, que tinham controlos muito apertados e tinha que ir num ritmo elevado para não penalizar,” começou por referir o piloto Amarantino que nesta segunda prova já mostrou uma forte evolução relativamente à primeira prova do Campeonato.

“No primeiro dia de prova senti-me muito bem com a minha mota Sherco 300, isto devido a alguma afinações que fiz nos dias que antecederam a prova, consegui rodar nos tempos dos pilotos mais rápidos da minha classe, Verdes II e do Troféu Sherco, na penúltima especial estava a apenas 3 segundos do segundo lugar da classe, entrei na especial determinado a ganhar esses 3 segundos, mas como ia a dar tudo, não consegui evitar uma queda e perdi o pódio da classe.”

No segundo dia de prova, Pedro “Botas” referiu, “Comecei o dia afectado com a queda do dia anterior, mas sempre com o objectivo de fazer o melhor possível, ao longo do dia fui melhorando os tempos nas especiais, mas não consegui ir além do 6º lugar, apesar de ser um bom resultado, eu queria mais.”

No balanço desta dupla jornada estou bastante satisfeito, pois foi notória a minha evolução, alcancei o primeiro pódio da época, é sinal que o trabalho que venho a realizar com a minha mota Sherco, com a ajuda da MotoDreams e o trabalho físico com o ginásio Advanced Training, estão a ser feitos no sentido correcto e isso deixa-me com muito alento para as próximas provas.”

Depois da anulação do Enduro da Figueira, a próxima prova do Campeonato Nacional de Enduro será em Vila de Rei no próximo dia 2 de Abril.

Comunicado de Imprensa Pedro Botas

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

CNE 2017 - Ventura a dobrar em Valpaços


Com menos de um mês de intervalo entre provas o Campeonato Nacional de Enduro - CFL regressou no passado fim-de-semana aos trilhos de Valpaços para na quarta edição do Enduro Rota do Folar se realizar a segunda prova do ano 2017 para a modalidade, sendo também a primeira corrida com dois dias de duração.

Com pouco menos de centena e meia de participantes a prova desenhada pelo Usprigozus - Clube TT de Vilarandelo teve um percurso com cerca de 45 quilómetros e as habituais três especiais, com toda a caravana a enfrentar o piso transmontano num fim-de-semana sem chuva e excelentes condições.

Tal como aconteceu na primeira ronda do campeonato, realizada em Góis no final de Janeiro, foi Diogo Ventura quem liderou a classificação global desde os primeiros momentos de ambos os dias de prova, O piloto de Góis foi quem mais especiais venceu ao longo do fim-de-semana - 15 num total de 21 realizadas - assegurando assim a 'dobradinha' na prova e reforçando a liderança do campeonato face a Gonçalo Reis, o segundo em ambos os dias de prova. A fechar o pódio absoluto no primeiro dia terminou Daniel Carracedo, com João Vivas a subir ao terceiro lugar no dia de despedida de Valpaços, o dia mais longo da dupla ronda transmontana.

Não faltaram igualmente duelos bastante animados pelas vitórias nas restantes categorias que integram o campeonato nacional, que terá a sua terceira paragem do calendário 2017 no próximo dia 2 de Abril em Vila de Rei, bem no centro de Portugal.

FMP

João Dias com objectivo atingido em Valpaços


João Dias, conseguiu terminar os dois dias de Valpaços na classe Open!
Sendo a principal alteração para a época de 2017, a participação de João Dias na classe open, havia de forma natural alguma espectativa do próprio em saber o que lhe esperava neste novo desafio.
Sem duvida alguma que será um ano duro, de grandes desafios mas para já o primeiro esta superado.
Valpaços contava com uma jornada dupla, onde os pilotos de open faziam 3 voltas ao percurso no sábado e 4 no domingo. Foram 5h de corrida no sábado e 6h40 de corrida no domingo, um fim de semana  super desgastante, principalmente para quem não tinha competições desde Setembro de 2016.
O dia de sábado foi muito complicado uma vez que foi difícil para João Dias encontrar o ritmo certo de competição, obrigando-o a grande desgaste, mas domingo, mais solto e habituado conseguiu cumprir todo o dia de competição.

“Não foi um fds fácil, admito alguma ansiedade por desconhecer o que me esperava, aleado ao facto de saber que tenho andado muito pouco de moto para poder enfrentar desafios deste nível. 
Foi notório a experiencia adquirida dos últimos 3 anos de enduro que me permitiu concluir estes dois dias de competição. 
A Open é sem duvida de uma exigência superior a classe do ano passado, mas estamos cá ;)
Saio de Valpaços com um 14º (sábado) e  12º ( Domingo) e super motivado e contente pelo que fiz e fizeram por mim, sim, tem que haver sempre um grande grupo para que as coisas aconteçam.
 O João Paulo que me atura durante todas estas horas, a AGmotosport por toda a assistência e preparação da maquina, ao Rui da MXT pela preparação das suspensões noite fora a todos  ao amigos e conhecidos que apoiam e obviamente, os sponsors , o que seria de mim sem os  sponsors…."

Comunicado de Imprensa João Dias

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Hell´s Gate 2017 - Jarvis vence pela 5ª vez


1. Graham JARVIS - Husqvarna: 3H08’23
2. Travis TEASDALE - KTM: +04’11”
3. Wade Young - Sherco: 5’19”
4. Mario ROMAN - Sherco: +8’38
5. Philipp BERTL - Beta: +1 Lap



Fausto Frade sente dificuldades no Enduro de Valpaços


Fausto Frade voltou ao CNE com muita vontade de andar de moto, porém longe do ritmo e da vitalidade que lhe são conhecidos. 

No passado fim-de-semana a caravana do Campeonato Nacional de Enduro rumou a Valpaços para uma jornada dupla de competição, onde o piloto das terras do Bandarra percorreu por 7 vezes um percurso de 45Km com 3 “especiais” cronometradas, desenhado a rigor pelo Usprigozus Clube TT de Vilarandelo.

No primeiro dia de corrida, logo na primeira Cross Test, Fausto Frade errou a percepção do reconhecimento da pista e entrou demasiado rápido num salto curto, o que lhe provocou uma grande queda deixando-o bastante indisposto para o resto da competição e com algumas mazelas físicas. 

O piloto de Trancoso da AG Motosport / Móveis Torres, aos comandos de uma Yamaha, afirmou: 
“A moto esteve irrepreensível durante estes dois dias de corrida, porém não me senti bem durante toda a competição. Infelizmente foi uma corrida sofrida onde não me diverti e onde me faltaram as forças durante muito tempo! Senti-me sem energia e muito desconcentrado, o que me levou a cometer muitos erros e a desgastar-me muito mais no percurso o que se traduziu na falta de ritmo nas especiais.”

Fausto Frade considera que foi uma corrida onde o sacrifício foi superior à paixão pelo desporto motorizado e que o apoio da sua equipa, dos seus patrocinadores e da sua família foram determinantes para terminar esta corrida. 
“Sinceramente, ainda não sei muito bem como concluí o segundo dia de corrida. 3 anos fora das corridas é muito tempo… Desde o primeiro momento percebi que iria sofrer muito durante as quatro voltas ao percurso no segundo dia, visto não sentir o meu corpo reagir de forma positiva. Agradeço ao José Torres, à minha mãe, irmãos e namorada, e à minha equipa por me terem dado forças para continuar em prova.”

O Piloto de Trancoso obteve um 10º lugar no primeiro dia e um 11º lugar no segundo, ambos da classe Open. O piloto da AG Motosport / Móveis Torres afirma: “Vou recuperar desta corrida e tentar perceber o que aconteceu para me preparar ao nível físico e psicológico para a próxima, para me voltar a divertir a andar de moto, e atingir melhores resultados.”

Comunicado de Imprensa Fausto Frade 

Paulo Amado em Valpaços com jornada dupla


Este fim-de-semana, quase uma centena e meia de pilotos rumou até Valpaços para a segunda jornada pontuável para o Campeonato Nacional de Enduro 2017. O “4º Enduro Rota do Folar” a cargo dos Usprigozus de Vilarandelo, destacou-se por ser a primeira das duas provas de dois dias que compõem o calendário desta temporada. 

No primeiro dia de competição, Paulo Amado aos comandos da sua Beta 430RR enfrentou 2 voltas a um traçado com aproximadamente 45 km´s e seis especiais cronometradas. No final, garantiu a 15ª posição da classe Veteranos.

Já no segundo dia de competição, o número de voltas aumentou para três e as especiais para nove, no entanto e apesar do cansaço acumulhado, o piloto Offtrack conseguiu subir à 14ª posição – mesma no cômputo geral e troféu Beta Portugal.

“Foi uma prova exigente, não pela dificuldade do terreno mas sim pelos tempos bastante apertados. Era importante andar no limite para não penalizar no percurso. No primeiro dia fomos muitos a penalizar, mas felizmente foram retiradas as penalizações do dia. Tive algumas dificuldades em entrar no ritmo, mas no segundo dia as coisas melhoraram. Foi sem dúvida uma experiência positiva e irei continuar a minha evolução como piloto. Sinceros parabéns à organização que foi incansável e com um acolhimento excelente” concluiu Paulo Amado.

Texto: Evo-press
Fotos: OneShotFoto

Motobrioso|KTM|Galp garante mais um pódio com João Vivas


Três semanas após o arranque em Góis, o Campeonato Nacional de Enduro teve a sua segunda jornada este fim-de-semana em Valpaços. Com organização a cargo do Usprigozus Clube TT de Vilarandelo, a quarta edição do “Enduro Rota do Folar” contou com dois dias de competição, um percurso com cerca de 45 quilómetros e três especiais de grande nível.

João Vivas aos comandos de uma KTM 350 XC-F apresentava-se em Valpaços bastante motivado e com vontade de subir na classificação. Numa classe muito competitiva, o alentejano da formação Motobrioso garantiu a 3ª posição da classe em ambos os dias. De destacar que no domingo ficou a pouco mais de 10 segundos do segundo classificado. No cômputo geral João Vivas foi 3º na classe E2 e também no Absoluto. “No primeiro dia não estava tão à-vontade e cometi alguns erros. Já hoje as coisas correram da melhor forma e tive animada luta pela geral absoluta. Estou cada vez mais próximo dos meus adversários diretos e o objetivo passa por subir na classificação. Agradeço à equipa que foi incansável nestes dois dias de competição”.

João Rafael – classe Verdes 1, sofreu na pele a exigência de dois dias de competição. No primeiro dia seria apenas 8º classificado, no entanto no dia de domingo viria a subir na classificação. Com o 7º lugar da classe, o piloto viria a garantir a 6ª posição nesta jornada Valpacense. “Foram dois dias complicados e difíceis, com algumas mazelas devido a quedas nas especiais. Apesar de tudo penso que foi um fim-de-semana de evolução. Muito obrigado a todos os patrocinadores em especial à Motobrioso”.

Já Pedro Rafael ao longo de todo o fim-de-semana esteve sempre na luta por um lugar no pódio. No sábado, com “cronos” de destaque, oscilou sempre entre a segunda e terceira posição da classe Verdes 2, no entanto uma queda na extreme relegou-o para a 6ª posição. Já no segundo dia, P. Rafael viria a terminar na 4ª posição – igual no cômputo geral. “Gostei bastante das especiais e percurso pois tínhamos que ser rápidos para não penalizar. Uma queda na extreme fez com que perdesse cerca de um minuto no sábado. No domingo entrei na última especial com uma diferença de 3 segundos para o 3º lugar mas não consegui recuperar. No entanto estou satisfeito pela minha prestação e vou continuar a treinar para chegar ao pódio. Aproveito para agradecer à equipa, assistentes e a todos os meus patrocinares”.

O Nacional de Enduro terá a próxima jornada em Vila de Rei a 2 de Abril, no entanto a formação Motobrioso estará também presente na ronda de abertura do CNTT 2017 a decorrer em Góis a 4 e 5 de Março.    
                                              
Texto: Evo-press
Fotos: FTFph Media

RACESPEC|KTM|CFL com vitória de Bruna Antunes


E este fim-de-semana a caravana rumou até Valpaços para disputar a segunda jornada pontuável para o Campeonato Nacional de Enduro 2017. Com dois dias de duração e com quase uma centena e meia de participantes, o “4º Enduro Rota do Folar” a cargo do clube TT Usprigozus de Vilarandelo, saldou-se com um enorme sucesso. 
                    
Nesta jornada transmontana, a formação RACESPEC|KTM|CFL fez-se representar através de Tomás Clemente (classe Open) e Bruna Antunes (classe Senhoras), pelo que Diogo Nogueira esteve ausente devido a compromissos profissionais.

Bruna Antunes tem demonstrado clara evolução desde o campeonato de ano passado, e prova a prova torna-se evidente a vontade de ganhar. Este fim-de-semana a piloto Racespec conseguiu a 2ª posição no primeiro dia, carimbando uma vitória no domingo. No cômputo dos dois dias, Bruna Antunes garante o primeiro lugar e pontos importantes para a luta pelo título. “Foram dois dias positivos para mim pois senti-me sempre bem e forte. No sábado entrei ao ataque, ficando a poucos segundos da vitória. Já hoje e com a mesma motivação, tive algumas quedas mas consegui garantir a vitória. Espero que seja a primeira de muitas…irei continuar a trabalhar para isso”.

Já Tomás Clemente a militar na competitiva classe Open, garantiu no sábado a 2ª posição a poucos segundos da vitória. Já no segundo dia de competição, o piloto aos comandos da bem preparada KTM 125 XC-W foi 3º classificando, garantindo igual posição na soma dos dois dias. No final, comentou: “Foi uma boa corrida com um percurso técnico e exigente. Senti-me bem ao longo da competição, no entanto sei que tenho alguns pontos a melhorar. Agora é continuar a trabalhar...Obrigado a todos aqueles que me apoiam”.



O calendário terá agora uma pausa, regressando o Nacional de Enduro a 2 de Abril com a terceira jornada a decorrer em Vila de Rei.

Texto: Evo-press
Fotos: Nphotoevents

Góis Moto Clube continua a dominar no Enduro


A cidade transmontana de Valpaços recebeu no passado fim-de-semana aproximadamente uma centena e meia de participantes no “4º Enduro Rota do Folar” – com excelente organização a cargo do clube TT Usprigozus de Vilarandelo. Esta etapa de dois dias de competição contou com duas das especiais (CT e XT) situadas nas imediações da cidade e uma terceira (ET) em Vilarandelo. Entre sábado e domingo os pilotos enfrentaram ainda um exigente traçado com aproximadamente 45 km´s por trilhos e encostas do concelho. 

Após brilhante vitória na jornada inaugural, Diogo Ventura apresentava-se na etapa valpacense bastante motivado. Aos comandos de uma Honda CRF 450R, o piloto beirão conseguiu vencer quinze das 21 especiais disputadas ao longo dos dois dias de competição. Claro domínio por parte de Diogo Ventura, que com este resultado dilata a sua vantagem em termos de campeonato – Absoluto e Elite2. “Foi sem dúvida uma grande jornada e mais uma vitória. No sábado não me estava a sentir muito bem mas consegui vencer. Já hoje, tentei soltar-me mais e diverti-me bastante. Quero agradecer o apoio do Góis Moto Clube e de todos os patrocinadores”.

Também com as cores do clube, nesta jornada esteve o jovem Francisco Alvoeiro aos comandos de uma Beta 50cc. Se no primeiro dia o piloto beirão sentiu algumas dificuldades no percurso, acabando por penalizar 28 minutos, já no dia de domingo demonstrou enorme maturidade, terminando na brilhante 2ª posição da classe Enduro Cup. No cômputo geral deste enduro, Francisco Alvoeiro garantiu a brilhante 2ª posição da classe. Satisfeito, no final comentou: “As coisas acabaram por correr com tínhamos delineado. A mota está perfeita e apesar do pequeno percalço no primeiro dia, no final consegui chegar ao pódio da classe… Estou mesmo muito satisfeito com a minha prestação em Valpaços”. 


O Campeonato Nacional de Enduro terá agora uma pequena pausa devido à anulação da jornada do próximo mês na Figueira da Foz, regressando a competição a 2 de Abril em Vila de Rei. Até lá bons treinos…e Viva o Enduro!

Texto: Evo-press
Fotos: Gonçalo Santa Cruz

CNE 2017 - Valpaços - Fotos PM-Images

domingo, 19 de fevereiro de 2017

CNE 2017 - Valpaços - Fotos One Shot Foto


Dupla vitória em Valpaços para Diogo Ventura


Diogo Ventura soma e segue no campeonato nacional de enduro 2017. Com três dias de competição já realizados o piloto de Góis conseguiu hoje no segundo dia do 4º Enduro do Folar, realizado em Valpaços, manter a invencibilidade no campeonato ao somar a terceira vitória do ano, dilatando assim a sua vantagem em termos de campeonato nacional da especialidade.

Tal como tinha acontecido no dia de ontem o piloto da Lousãmotos colocou no topo da classificação a sua Honda CRF 450R após ter ganho nove das 12 especiais realizadas naquele que foi o dia mais longo da segunda etapa do campeonato. Nas contas finais da jornada Diogo Ventura venceu com mais de um minuto e seis segundos face ao segundo classificado.

"Hoje consegui estar muito mais confortável em cima da moto desde o arranque da prova e não só me diverti muito mais ao longo do dia como consegui mais uma vitória, a terceira do ano. Globalmente este foi um fim-de-semana muito positivo onde consegui ao longo dos dois dias andar sem cometer erros e vencer a grande maioria das especiais."

Com esta vitória Diogo Ventura destacou-se no topo da tabela classificativa do campeonato nacional de enduro 2017, onde apenas conheceu o sabor da vitória até ao momento. A próxima ronda do campeonato realiza-se no dia 2 de Abril em Vila de Rei onde o piloto da Alves Bandeira irá tentar a sua quarta vitória consecutiva em termos absolutos

Hype Communications

CNE 2017 - Valpaços - Resultados do 2º dia

Diogo Ventura venceu os 2 dias em Valpaços

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Daniel Dominguez vence em Caminha. Gerson Pinto foi o melhor português.

Image may contain: one or more people, mountain, outdoor and nature

Caminha recebeu a segunda ronda do Troféu Luso Galaico Mota de Monte, desta feita em conjunto com a Liga Galega da Mota de Campo. Cerca de 240 pilotos marcaram presença na prova, que teve a chuva como companhia, tornando o terreno mais "pesado" e dificil.

Em termos de classificação Geral, Daniel Dominguez, repetiu o triunfo alcançado em Valongo, seguido por Roman Gonzalez e Juan Rodiño. Gerson Pinto foi o melhor piloto português no 6º lugar.

Image may contain: one or more people, motorcycle, outdoor and nature
Daniel Dominguez

Na classe Pro, João Araújo e André Mouta começaram o dia com o mesmo registo na primeira especial. Mouta marcou o melhor tempo na segunda especial e fez o mesmo fez nas quatro seguintes. Após concluir a segunda passagem pela CT2, era já 1 minuto e 22 segundos a sua vantagem sobre João Araújo. No entanto, Mouta viria a não concluir a prova e assim a vitória ficou para João Araújo, com 1 minuto e 17,41 segundos de vantagem sobre Carlitos. Apenas estes dois pilotos subiram ao pódio nesta classe.

Image may contain: one or more people, motorcycle and outdoor
João Araújo

Gerson Pinto conquistou o triunfo na classe Expert, após vencer 6 das 9 especiais correspondentes às 3 voltas ao percurso delineado pela organização. Com 2 vitórias em especiais, Márcio Antunes foi o segundo melhor na classe, a 52 segundos do vencedor. A terceira posição ficou entregue a Celso Moreira, que terminou o Enduro de Caminha da melhor forma, com uma vitória na derradeira especial (CT3).

Image may contain: one or more people, motorcycle and outdoor
Gerson Pinto

Na Enduro 1, Miguel Fernandes, à falta de melhor expressão, espalhou magia em Caminha aos comandos de uma "velhinha" Honda CR125. O piloto brindou o público presente com uma excelente condução e grandes momentos proporcionados pela "quarto de litro", vencendo todas as especiais. De referir também que Fernandes ocupava o nono lugar da Geral e terceiro melhor português quando concluiu a sua prova. Marcelo Vieira ocupou o segundo lugar do pódio, a 52,38 segundos do vencedor enquanto que Telmo Sousa foi terceiro, a 1 minuto e 50,13 segundos.

Image may contain: one or more people, motorcycle and outdoor
Miguel Fernandes

Na Enduro 2, Tiago Olveira começou o dia ao ataque, registando o melhor tempo em 3 das 4 primeiras especiais. No entanto, quando tinha cerca de 29 segundos de vantagem sobre o segundo classificado, o piloto viria a abandonar a prova. João Pimenta fez uso da regularidade para bater os seus adversários e venceu com 10,07 segundos de vantagem sobre Luís Gonçalves e 13,27 sobre Hélio Alves.

Image may contain: one or more people, motorcycle and outdoor
João Pimenta

Luís Vasconcelos repetiu o triunfo conquistado em Valongo na Enduro 3, terminando a prova destacado com mais de 1 minuto de vantagem sobre Pedro Novais. Venceu 5 das 6 especiais. Pedro Roque foi o terceiro classificado.

Image may contain: one or more people, motorcycle, outdoor and nature
Luís Vasconcelos

Nos Juniores, Diogo Parente voltou a impor a sua lei e mantém-se imbatível na classe dos mais novos. Venceu todas as especiais e deixou o segundo classificado, Daniel Branco, a quase 2 minutos. Parente continua a dar nas vistas e é de registar que, no final da segunda volta e portanto, quando terminou a sua prova, ocupava a 13ª posição da Geral e era o 5º melhor português. O lugar mais baixo do pódio ficou para João Campos, a 8,92 do segundo classificado.

Image may contain: one or more people, tree, child and outdoor
Diogo Parente

Albano Mouta venceu nos Veteranos, com 38,66 segundos de vantagem sobre António Faria, que em Caminha já esteve mais perto da luta pela vitória, principalmente na Extreme Test (XT). Nuno Freitas começou o dia da melhor forma, com uma vitória na primeira passagem pela XT. No entanto, o piloto de Braga viria a concluir a prova no terceiro posto, a 6,73 segundos de Faria.

Image may contain: 1 person, outdoor
Albano Mouta

Nos Super Veteranos venceu Luís Oliveira, enquanto que na Promoção, Rui Cunha e Sérgio Silva reeditaram a luta de Valongo, desta feita com vantagem para o primeiro.

Image may contain: 1 person, motorcycle, sky, outdoor and nature
Rui Cunha

Nas Senhoras, venceu Sónia Cancela.

Próxima prova, Enduro de Chaves - Verin, no dia 19 de Março, novamente em conjunto com a Liga Galega da Mota de Campo. Até lá!

Sónia Cancela
Fotos: PM-Images e Repórter Soneca

Segunda vitória consecutiva para Diogo Ventura


Aos comandos da sua Honda CRF 450R Diogo Ventura conseguiu hoje em Valpaços a sua segunda vitória consecutiva no campeonato nacional de enduro 2017. Moralizado pela vitória conseguida na primeira corrida realizada em Góis, o piloto da Honda atacou decidido o primeiro dia do 4º Enduro Rota do Folar e depois de vencer as primeiras cinco especiais do dia assegurou uma vantagem que lhe permitiu gerir da melhor forma a segunda metade da corrida onde ao vencer mais uma especial cronometrada fechou a jornada com seis vitórias em especiais, deixando apenas três sucessos para os seus adversários mais directos. Nas contas finais do dia Diogo Ventura colocou a Honda com as cores do Góis Moto Clube na primeira posição com quase 25 segundos de vantagem face ao segundo classificado.

"Andei um pouco apreensivo no início da corrida e sem conseguir encontrar o meu ritmo, mas com o decorrer do dia acabei por me 'encaixar' nas especiais e venci com uma boa margem. Amanhã quero tentar vencer novamente na geral e na classe."

Diogo Ventura enfrenta amanhã o terceiro dia do campeonato nacional de enduro 2017 com o objectivo claro de tentar a terceira vitória consecutiva numa época que está a começar de forma muito positiva. Pela frente o piloto da Lousãmotos terá que efectuar um total de quatro voltas aos 45 quilómetros do percurso e cumprir as 12 especiais em agenda.

Hype Communications

CNE 2017 - Valpaços - Resultados do 1º dia



Foto: Arquivo | One Shot Foto

CNE 2017 - Valpaços - Tempos Online


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

TLG 2017 - Caminha - Resultados | Classes




(Clique para ampliar)

Image may contain: one or more people, outdoor and nature
João Araújo

(Clique para ampliar)


Gerson Pinto

(Clique para ampliar)

Miguel Fernandes


(Clique para ampliar)

João Pimenta


(Clique para ampliar)

Image may contain: one or more people, motorcycle, outdoor and nature
Luís Vasconcelos


(Clique para ampliar)

Image may contain: 1 person, outdoor
Diogo Parente


(Clique para ampliar)

Image may contain: 1 person, outdoor and nature
Albano Mouta



(Clique para ampliar)


Image may contain: motorcycle, bicycle and outdoor
Luis Oliveira

(Clique para ampliar)

Image may contain: 1 person, motorcycle, sky, outdoor and nature
Rui Cunha

(Clique para ampliar)

Sónia Cancela

Fotos: PM-Images e Repórter Soneca