Últimas notícias

Yamaha Pinhelworks imbatível em Alcoutim

António Maio

António Maio venceu hoje a Baja Terras de Alcoutim, terceira jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, reforçando com este resultado a sua posição de candidato ao título nacional. O piloto da Equipa Yamaha Pinhelworks Ray Just Energy gastou 3h20m53s a percorrer os 231,69 km da prova, tendo terminado a corrida com uma vantagem de 35s sobre o atual campeão nacional Mário Patrão.

A Equipa Yamaha Pinhelworks Ray Just Energy venceu de forma global nesta corrida algarvia. Para além do triunfo absoluto de António Maio e da correspondente vitória na classe TT2, também Luís Teixeira, terceiro classificado à geral, venceu a classe TT3 e Sebastian Buhler, que terminou no 4º lugar, foi o mais rápido entre os pilotos da classe TT1.

Resultado notável para a Equipa Yamaha Pinhelworks Ray Just Energy que colocou, assim, três dos seus pilotos nos quatro primeiros lugares da classificação geral. A participação da equipa completou-se com o 12º lugar de Frederico Fino.

Para António Maio: “ dominei do princípio ao fim, com um ritmo forte e em segurança, o que me levou a conquistar a vitória. Temos tentado melhorar a mota e posso dizer que todo o trabalho que tivemos surtiu efeito. Este resultado é muito importante para nós enquanto equipa porque reforça as nossas possibilidades de conquistar o título neste campeonato.

A jogar em casa, Luís Teixeira, adianta que “o principal objetivo da equipa foi cumprido. Cada um de nós venceu na respetiva classe e também vencemos à geral. Até meio da prova mantive-me na frente. A dado momento senti fadiga e baixei o ritmo, sem arriscar muito,  para tentar chegar ao fim e terminar a competição. Agradeço aos meus patrocinadores, amigos e familiares o apoio que têm dado. Para as próximas provas à que tentar novamente dar o nosso melhor, mantendo ou melhorando o nível competitivo.”

O mais jovem piloto da equipa Yamaha Pinhelworks Ray Just Energy, Sebastian Buhler, revela que “a prova correu da melhor maneira. Estou habituado a treinar em areia e, por isso, não foi fácil habituar-me ao piso duro. Hoje já me senti mais familiarizado com as condições do percurso e tentei imprimir um bom ritmo para conquistar uma boa posição. A moto portou-se lindamente e o trabalho da equipa tem sido excelente, o que também se refletiu nas classificações desta prova.”

Frederico Fino, piloto e chefe de equipa, afirma que “foi uma prova magnífica, mas muito dura. Ao longo dos primeiros quilómetros correu tudo bem, mas depois senti-me indisposto e perdi algum tempo. Ainda tentei recuperar mas, com um ritmo mais calmo, não consegui ir além do 12º lugar. Na equipa estamos todos muito satisfeitos. Fizemos algo que ainda não tinha acontecido: conseguimos uma tripla, ganhámos todas as classes, que era o nosso principal objetivo. Este resultado é uma motivação para manter o nível para a próxima prova que decorre já no final do mês”.

Frederico Fino

A próxima jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno disputa-se nos dias 27 e 28 de Junho, em Castelo Branco, a Baja TT Oleiros, Proença e Mação.

Outras informações sobre a prova em: 

A2 Comunicação (Pedro Barreiros)

Sem comentários