Últimas notícias

Patrão vence Baja TT Idanha-A-Nova


Sob um calor abrasivo e com o muito pó a dificultar a progressão dos pilotos, a Baja TT Idanha-a-Nova, sexta e penúltima etapa do campeonato nacional de todo-o-terreno, sagrou o primeiro campeão nacional da temporada 2015. Com uma excelente organização da Escuderia Castelo Branco a prova disputada no concelho beirão de Idanha-a-Nova teve como vencedores Mário Patrão nas motos, Beto Borrego nos Quad e João Lopes nos UTV, com este último a festejar antecipadamente o regresso aos títulos nacionais, onde já soma seis conquistas.

A prova das motos ficou marcada pela ausência de António Maio piloto que somava à partida para esta corrida vitórias em todas as provas.  O piloto alentejano foi no entanto vitima de uma queda quando treinava para a prova e fracturou uma clavícula.

A jornada beirã teve no campeão Mário Patrão um incontestável vencedor. Depois de uma vitória clara no prólogo, o piloto da KTM geriu de forma confortável a sua corrida, que teve no campeão TT1, Sebastian Buhler, o segundo classificado.

O companheiro de Maio na Yamaha foi muito pressionado por Gustavo Gaudêncio que chegou à liderança da classe e ao 2º lugar absoluto com a sua Honda, mas na ponta final da corrida, seria travado pelo pó lançado pela KTM de Fausto Mota, que partira para a corrida à sua frente.

A 4ª posição seria ocupada por Ruben Faria, candidato ao título TT1 e que reforçou o seu 3º lugar absoluto à geral. Quinto lugar final para Fausto Mota (KTM), o mais rápido de entre os concorrentes à Classe TT3, que ficou à frente de Hélder Rodrigues com o piloto oficial da Yamaha a optar por utilizar nesta prova a sua moto de Dakar. Com estes resultados António Maio necessita apenas de ser 5º classificado em Portalegre para se sagrar campeão absoluto, o mesmo acontecendo na classe TT2.

Já na classe TT1 o duelo está ao rubro entre Ruben Faria e Gustavo Gaudêncio com este a ter uma ligeira vantagem já que lhe basta ser segundo para ser campeão no ano de regresso às competições. O mesmo se passa nas TT3, onde a Fausto Mota um 2º lugar é suficiente para destronar o campeão Luís Teixeira que é o seu mais directo rival.

Quem já conquistou o título foi Luís Aguiar, o piloto da KTM que é o vencedor 2015 do Troféu Veteranos. Vitória na promoção para Tiago Santos e entre as senhoras para Rita Vieira

FMP

Sem comentários