Últimas notícias

Rali de Marrocos 2015 - Pedra “fura” classificação a Paulo Gonçalves


Paulo Gonçalves perdeu hoje mais de trinta minutos na penúltima etapa do Rali de Marrocos, última prova do Campeonato do Mundo de Ralis Todo-o-Terreno, depois de numa zona rochosa ter embatido numa pedra que lhe danificaria o tanque e a bomba de combustível da Honda CRF 450 Rally.

O piloto português, que ontem havia vencido a terceira etapa da prova marroquina, foi hoje o primeiro a partir para a pista mas acabou por ser forçado a uma paragem para tentar reparar a avaria, mas sem sucesso acabaria por levar por diante a etapa em ritmo controlado para reservar combustível.

Cumpridos os 293 quilómetros cronometrados entre Zagora e Agadir Paulo Gonçalves acabou por ser o 21.º piloto mais rápido da tirada, gastando mais 37min06s que o vencedor e líder da tabela geral Sam Sunderland. 

“Foi um dia mau para a equipa hoje! Poucos quilómetros depois da partida, numa zona cheia de pedras, um grande pedregulho bateu na frente da minha mota e quebrou-me o tanque e a bomba de gasolina. Não consegui reparar e tive que diminuir o ritmo para ser capaz de chegar ao final com a quantidade mínima de gasolina que estava no tanque traseiro. Perdi muito tempo mas amanhã vamos procurar recuperar para terminar o rali da melhor maneira possível”, salientou Paulo Gonçalves, que ainda assim conseguiu ascender ao quarto lugar da tabela geral classificativa após desistência do seu colega de equipa Joan Barreda.

A última etapa do Rali OiLibya de Marrocos disputa-se em redor de Agadir com uma “especial” cronometrada de 237 quilómetros sobre areia e oceano à vista.

Conceito Media

Sem comentários