quarta-feira, 31 de julho de 2013

Extreme XL Lagares 2013 já mexe e muda o nome para Paredes EXL 2013!


(Clique na imagem para ampliar)

Rally dos Sertões 2013 - 7ª Etapa - Resultados

Resultados da 7ª Etapa:
(Clique na tabela para ampliar)

Geral:
(Clique na tabela para ampliar)

Paulo Goncalves é líder destacado do Rally.

Os restantes pilotos portugueses em prova têm vindo a melhorar as suas prestações, ocupando lugares de destaque.

Fausto Mota é 10º classificado tendo terminado a etapa de hoje num excelente 8º lugar.

Rui Oliveira conquistou no dia de hoje a 17ª posição. Ocupa agora o 28º lugar da geral, condicionado pelas 8 horas e 20 minutos de penalização que tem no momento.

Paulo Gonçalves assume a liderança do Rally dos Sertões


(Clique na imagem para ampliar)



Rally dos Sertões 2013 - Video da 6ª Etapa (30/7)

Rally dos Sertões 2013 - Video da 5ª Etapa (29/7)

Paulo Gonçalves mantém 2º lugar da geral (30/7)

(Clique na imagem para ampliar)


quarta-feira, 24 de julho de 2013

Romaniacs 2013 - Video Husaberg

191 pilotos no fecho do troféu Yamaha 2013


A cidade de Rio Maior recebeu em ambiente de festa a quinta e última prova do Troféu YAMAHA 2013. A jornada de encerramento desta décima edição do Troféu YAMAHA acolheu 191 pilotos para um dia de muita competição e momentos bem especiais entre todas as categorias em prova e entre os cerca de 4000 espectadores que se deslocaram ao local da prova, um magnifico anfiteatro que já anteriormente tinha sido palco de competições TT.

Numa tarde quente foram muitos os pilotos e clientes da YAMAHA que se deslocaram ao local do evento e depois de uma manhã reservada aos derradeiros preparativos e treinos cronometrados a acção voltou a ser intensa e com grandes momentos ao longo de todo o evento, que desta feita contou com um total de 17 categorias distintas em competição com a adição das duas classes Open, estas abertas a motos de outras marcas e apenas para este derradeiro dia de Troféu YAMAHA 2013.

Para acolher pilotos e máquinas a organização do Troféu YAMAHA, desta feita com a colaboração do dinâmico Moto Clube de Rio Maior, preparou um traçado com cerca de 2000 metros de extensão com alguns saltos e zonas bem espectaculares que elevou ainda mais o nível competitivo da competição.

Com intervalos curtos entre corridas, mangas com 20 minutos de duração para as classes reservadas aos pilotos mais velhos – os mais jovens realizaram corridas mais curtas num traçado especialmente preparado para o efeito – foram muitos os duelos travados pelos primeiros lugares na prova e na classificação final deste Troféu YAMAHA 2013, como aconteceu na classe mais pequena das motos onde o jovem Afonso Fonseca conseguiu não apenas a primeira posição final na corrida como igualmente a vitória na classificação da categoria Infantis Moto com apenas 4 pontos de vantagem para o segundo.

Nos Iniciados Moto foi Rodrigo Luz quem assinou a sua segunda vitória do ano, mas o ceptro final ficou entregue a Martin Ventura, o segundo classificado aqui em Rio Maior, ele que venceu igualmente entre as YZ 85 em termos globais depois de ter sido novamente segundo na classe atrás do sempre rápido André Sérgio, que venceu quatro das seis corridas do ano (a prova do Couço contou com duas mangas e duas pontuações para todas as classes) mas a quem duas ausências facilitaram a vitória final de Martin Ventura.

Entre as Fun Bike TTR 125 o vencedor nesta derradeira prova foi o jornalista Tomás Salgado, mas as contas finais entregaram a primeira posição da classe a João Amado, filho do conhecido ex-piloto YAMAHA Pedro Amado, que fez este ano a sua estreia em competição e a prometer já seguir os passos do pai. João Santos renovou o título entre as Clássicas ao vencer esta derradeira prova, batendo Manuel Tomé, de novo o seu principal opositor ao longo do ano, tal como em 2012.

Intensa foi a luta entre os veteranos nas duas rodas, com a vitória de Domingos Silva a não permitir ao piloto destronar Paulo Cardoso, também ele a renovar o primeiro posto final com apenas um ponto face ao adversário. André Marques voltou a levar a melhor entre as 250, confirmando o seu domínio na segunda metade da época, mas a primeira posição a nível global ficou nas mãos de Sebastien Buhler.

As classes com máquinas de maior cilindrada são sempre espectaculares e nas 450cc foi Ricardo Carvalho quem fechou o ano invicto com mais uma vitória no arenoso piso de Rio Maior. Entre os Oficiais foi Pedro Carvalho a garantir de novo a primeira posição após mais uma corrida em ritmo bastante intenso onde João Vivas e Luis Oliveira contribuiram igualmente para o grande espectáculo que foi este Troféu YAMAHA 2013.

Entre as classes reservadas as Moto 4 nos infantis foi Hugo Oliveira que venceu novamente, fechando o ano invicto tal como Ricardo Carvalho nas duas rodas. Eduardo Santos venceu e confirmou a conquista da classificação final entre os Iniciados, ao contrário da categoria Fun Moto 4 onde a vitória nesta última prova por parte de Nelson Raposo permitiu ao piloto garantir a primeira posição final com apenas um ponto de vantagem face a António Pacheco, que não esteve nesta ronda de Rio Maior e assim perdeu o título final.

Nos veteranos foi Vitor Santos quem fechou o ano a vencer para garantir a primeira posição final na classe, com Pedro Silva a assinar a primeira posição entre os 450cc, uma classe com vitória final assegurada por Ruben Alexandre depois do domínio deste nas anteriores etapas do Troféu YAMAHA. Nos Oficiais foi Roberto Borrego a levar a melhor perante Ricardo Carvalho, com o alentejano a ser igualmente o vencedor em termos globais nesta categoria.

Nas classes Open, que colocaram frente a frente pilotos com máquinas de outras marcas foi Pedro Carvalho a levar a melhor nas duas rodas, sorrindo a vitória a Henrique Sousa nos Moto 4. Nas motos competiram 28 pilotos, sendo 5 deles concorrentes habituais do Troféu YAMAHA, enquanto que nos Moto 4 participaram 18 pilotos, com uma dezena destes a serem pilotos do Troféu.

Os sempre perseguidos e desejados prémios Monster foram novamente atribuidos, com Ricardo Carvalho a ser o vencedor nos Moto 4 e Luis Oliveira nas duas rodas, sem dúvida dois pilotos rápidos e espectaculares que são sempre sinónimo de grandes momentos de condução em qualquer prova em que participem.

O Troféu YAMAHA 2013 encerrou assim em ambiente de grande festa no final de uma época onde mais de 200 pilotos passaram pelas grelhas de partida da iniciativa promovida pela YAMAHA Motor de Portugal. Contas feitas no final da temporada foram 297 os pilotos inscritos no Troféu YAMAHA, um reflexo do sucesso e popularidade do mesmo.

No próximo Sábado dia 27 de Julho será feita a entrega de prémios do Troféu YAMAHA 2013, com a cerimónia a decorrer nas instalações da YAMAHA Motor de Portugal a partir das 17 e 30. Neste evento de encerramento da iniciativa estarão presentes os três primeiros classificados de cada uma das classes e também as senhoras que marcaram presença nas provas ao longo do ano, um evento onde serão igualmente apresentadas algumas novidades da YAMAHA com vista ao ano de 2014.


Vencedores:
Infantis Moto: Afonso Fonseca (4)
Iniciados Moto: Rodrigo Luz (51)
YZ 85: André Sérgio (88)
Fun Bike TTR 125: Tomás Salgado (770)
Clássicas/Trail Moto: João Santos (189)
250 Moto: André Marques (215)
Veteranos Moto: Domingos Silva (416)
450 Moto: Ricardo Carvalho (308)
Oficiais Moto: Pedro Carvalho (111)
Open Moto: Pedro Carvalho (111)
Infantis Moto 4: Hugo Oliveira (21)
Iniciados Moto 4: Eduardo Santos (63)
Fun Moto 4: Nélson Raposo (705)
Veteranos Moto 4: Vitor Santos (460)
450 Moto 4: Pedro Silva (615)
Oficiais Moto 4: Roberto Borrego (141)
Open Moto 4: Ricardo Sousa (855)


CLASSIFICAÇÕES COMPLETAS EM:



Hype Communications

terça-feira, 23 de julho de 2013

Videos - Daniel Milner

Daniel Milner foi o grande vencedor dos 4 dias de Enduro da Austrália.
Aqui ficam dois videos para conhecerem melhor o piloto que dominou os acontecimentos a partir do 2º dia na mais importante prova australiana.


segunda-feira, 22 de julho de 2013

Projecto Chris Birch - Teste da moto (Episódio 3/6)

Turres Off Road marcou presença na 10 º edição da Red Bull Romaniacs

A Turres Off Road marcou presença na 10 º edição da Red Bull Romaniacs com os pilotos  Paulo Miranda classe Pro e Frederik Derycke na classe Hobby.

Paulo Miranda
A Escola de Enduro Turres off Road, esteve presente com dois pilotos na 10ª edição da Red Bull Romaniacs. Frederik Derycke acabou em 28 º entre os 150 participantes da classe Hobby, enquanto que Paulo Miranda na classe Pro, foi obrigado a desistir no 4º dia devido uma lesão na cervical.

Paulo Miranda aos comandos da Husaberg Te 300, cedida pela estrutura de fabrica presente em Sibiu, ficou em 29º, entre 40 participantes classe  pro no prologo, esta seria a ordem de partida para o 1º dia de corrida.
O 1º dia de corrida foi de grande dureza, apenas 8 pilotos da classe Pro, chegaram ao fim dentro do tempo previsto pela organização, Paulo Miranda terminaria em 32º.
No 2º dia com intenção de recuperar do dia anterior, optou por fazer parte do percurso da Expert sofrendo assim uma penalização, vindo a terminar na 29ª posição.
No 3ºdia, devido a uma queda no meio da etapa, o piloto viu-se obrigado a fazer o restante percurso na classe Hobby, por forma acabar o mais rápido possível e poder ser observado no hospital de Sibiu.

Frederik Derycke
Frederik, aos comandos da KTM 300, fez uma corrida regular sempre dentro do top 30 mostrando estar apto para voltar à RBR na classe Expert.

O Piloto Paulo Miranda
O meu resultado está fora do pretendido, ainda não foi desta que terminei os 4 dias de prova. A organização está de parabéns, a Red Bull Romaniacs é simplesmente magnifica, é difícil descrever o que se sente, as paisagens, os trilhos, só participando se tem uma ideia da grandeza desta prova. Um agradecimento  ao nosso mecânico Luís Damil, sem ele seria, não seria possível.

Um agradecimento especial aos apoios que tornam possível esta participação: Albatross Watches e Luis Damil Power, Salgados Moto, LC Motos, Gold Nutrition, ND Graphic, CrossPro, Bicimax, Trek, Polisport, Husaberg

Turres Offroad

Austrália - 4 dias de Enduro - Classificação final

1. Daniel Milner - 01:56:55.123
2. Chris Hollis - 01:58:07.770
3. Matthew Phillips - 01:58:22.711
4. Josh Green - 02:01:38.231
5. Tom McCormack - 02:02:09.824
6. Peter Boyle - 02:02:28.438
7. Lachlan Stanford - 02:02:47.089
8. Stefan Merriman - 02:02:47.156
9. Ben Burrell - 02:03:11.180
10. Ben Grabham - 02:03:20.999

domingo, 21 de julho de 2013

Video - Elementos do Enduro

Austrália - 4 dias de Enduro - 3º dia

1. Daniel Milner - 01:45:05.226; 
2. Chris Hollis - 01:46:10.462; 
3. Matthew Phillips - 01:47:38.644; 
4. Glenn Kearney - 01:49:04.992; 
5. Josh Green - 01:49:38.840; 
6. Tom McCormack - 01:50:10.153; 
7. Stefan Merriman - 01:50:19.805; 
8. Peter Boyle - 01:50:31.758; 
9. Lachlan Stanford - 01:50:38.460; 
10. Ben Burrell -01:50:52.351

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Austrália - 4 dias de Enduro - 2º dia


1. Daniel Milner - 01:08:42.353; 
2. Matthew Phillips - 01:08:43.174; 
3. Chris Hollis - 01:09:27.794; 
4. Glenn Kearney - 01:10:53.376; 
5. Josh Green - 01:11:03.700; 
6. Stefan Merriman - 01:12:17.703; 
7. Lachlan Stanford - 01:12:23.272; 
8. Peter Boyle - 01:12:26.567; 
9. Tom McCormack - 01:12:34.624; 
10. Ben Burrell - 01:12:38.631

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Austrália - 4 dias de Enduro - Prólogo

A prova de enduro mais prestigiada do Enduro Australiano já começou. Aqui ficam os resultados e o video do prólogo.


Resultados:
(Clique na imagem para ampliar)

terça-feira, 9 de julho de 2013

Construir uma pista de EnduroCross com Chris Birch (Episódio 1/6)

Este é o primeiro de seis episódios onde vamos acompanhar o campeão Neo-Zelandês de Enduro, Chris Birch, na construção de uma pista de EnduroCross, com o objectivo de melhorar o seu treino para os próximos X-Games em Los Angeles.