segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

SEWC 2016 - GP do Brasil


Resultados Prestige:

Resultados Júnior:

Videos:


Foto: Enduro Abc

CNE 2016 - Castelo Branco - Video Promocional


SWEC 2016 - Luís Oliveira segundo no Brasil


Luís Oliveira concluiu na segunda posição o Grande Prémio do Brasil, prova essa realizada em Belo Horizonte, sendo a quarta prova pontuável para o Campeonato Mundial de SuperEnduro.

O piloto da Yamaha concluiu a prova mais uma vez no degrau intermédio do pódio, no final de uma noite quente dentro e fora da pista. Após ter sido segundo classificado nas duas primeiras finais, apenas batido pelo seu rival alemão (Lettenbichler), foi quarto classificado na terceira e derradeira final da noite.


De destacar ainda que o piloto da ORT (Oliveira Racing Team) nesta prova utilizou uma moto com motor a quatro tempos e não a habitual 250 a dois tempos que havia sido a escolha nas três provas anteriores do referido campeonato.

Ainda assim, #31 Luís Oliveira mantém-se na corrida pelo título mundial, estado a 41 pontos de diferença do seu mais directo adversário (Lettenbichler) que lidera a classificação e tendo uma vantagem de 11 pontos para o terceiro classificado (Blake Gutzeit)

Oliveira Racing Team

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

The Tough One 2016 - Jarvis venceu a última edição da prova


Graham Jarvis está de volta às vitórias e bateu o especialista da prova David Knight e o vencedor da Hell´s Gate deste ano, Wade Young. Esta foi a última edição da Tough One, mas os homens da WOR Events já preparam uma nova prova, a Tough 100, que se realizará em Junho.

Resultados:

Video:

Foto: FB Graham Jarvis

domingo, 21 de fevereiro de 2016

SEWC 2016 - Luís Oliveira foi segundo na Argentina


Luís Oliveira continuou a sua caminhada no Mundial de Superenduro, desta feita no passado dia 20 na Argentina (Pinamar), onde teve lugar a 3ª ronda pontuável deste campeonato.

O piloto da Yamaha encontrou pela frente um percurso fluído e duro mas com muitos saltos, onde obteve mais uma excelente classificação, 2ª lugar na geral da classe júnior, onde só foi superado pelo piloto Chileno Benjamin Herrera.

Venceu a primeira final da noite, foi segundo classificado na segunda, ficando atrás do piloto Chileno e quinto na terceira e derradeira manga desta ronda.

Contudo é de destacar ainda que Luís Oliveira conseguiu nesta prova reduzir a diferença pontual para o líder do mundial da classificação júnior (Manuel Lettenbichler) em 5 pontos, mantendo-se assim na luta pelo campeonato.

ORT

SEWC 2016 - GP da Argentina


Resultados Prestige:

Resultados Juniores:

Video:

Foto: Enduro ABC

Cpto Italiano 2016 - Lignano


Resultados:



Foto: www.italianoenduro.com

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Nova data para o Enduro da Lousã


Após o adiamento do Enduro da Lousã no passado Domingo, a Comissão de Enduro da Federação de Motociclismo de Portugal e o Montanha Clube definiram que o dia 4 de Setembro será a data da realização da prova.

 Na impossibilidade de realizar a prova já no próximo fim-de-semana, como era desejo do clube organizador, a alternativa foi mesmo reajustar a posição da prova beirã no calendário previamente definido, sendo que desta forma o Enduro da Lousã será a penúltima prova do campeonato, antecedendo o fecho da temporada em Alcanena.

FMP

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Apresentação Team Sol Posto /KTM/Jetmar/McDonald’s/Albatross/Fantastic Win

A maior equipa de sempre no Nacional de Enduro 2016


O Team Sol Posto irá fazer uma aposta forte na época 2016 com uma presença grande em número de pilotos e também em termos de ambição.
Serão dezoito os pilotos da equipa, todos eles aos comandos de máquinas austríacas, e que ao longo do ano irão participar nas diversas provas do CNE, com objectivos distintos em termos de classificação, mas competindo sempre com uma certa mística oriunda da zona do Magoito, sede do Team liderado por Gonçalo Reis, um dos mais aclamados pilotos da história do nosso Enduro.

Gonçalo Reis é o atual Campeão Nacional de Enduro na Classe Elite 2, piloto muito rápido, eficaz, técnico e reconhecidamente um dos atletas  mais profissionais  do panorama desportivo atual. Conquistou o seu primeiro título em 2005 e desde então nunca mais parou. Acumulou nove títulos de Campeão Nacional, venceu um Campeonato da Europa e esteve por seis vezes nos ISDE (International Six Days of Enduro) onde conquistou três medalhas de ouro e duas de prata.

Contudo o ano desportivo que se avizinha poderá ser um ano de mudança na carreira do piloto da KTM avistando-se a forte possibilidade de participar já no Dakar 2017.

“ Estou plenamente consciente de já ganhei tudo o que havia para ganhar no Enduro e depois de algumas experiências muito positivas em provas de navegação posso adiantar que o objectivo principal será a minha preparação para o Dakar 2017. Estão já programadas algumas participações em Rallies internacionais com o intuito de aprimorar a navegação com instrumentos e “road book.”


O Team Sol Posto conta ainda com dois Campeões Nacionais em título, Fernando Teixeira que divide a função como piloto e patrocinador irá competir no Nacional de Enduro com o intuito de reconquistar a coroa na Classe Super Veteranos enquanto que o jovem  Vasco Salema  sobe de escalão para os Verdes depois de ter conquistado o Troféu Youth Cup em 2015.

Equipa Team Sol Posto/KTM/Jetmar/McDonald’s/Albatross/Fantastic Win
Pilotos e Classes:
Gonçalo Reis- Elite 2/Absoluto
Vasco Salema- Verdes 1/Youth Cup
Nuno Prudêncio- Verdes 1
Pedro Dias- Verdes 1
Ricardo Cabanelas- Verdes 2
Pedro Acabado- Verdes 3
Paulo Martins- Veteranos
Paulo Santos - Veteranos
Rui Pereira- Veteranos
Frederico Carneiro- Veteranos
Fernando Teixeira- Super Veteranos
Paulo Vicente- Super Veteranos
Luís Teixeira- Hobby
Rafael Lopes- Hobby
António Silva- Hobby
Paulo Sousa-Hobby
Victor Ramos- Hobby
António Salvador- Hobby

O calendário de competições para o Nacional de Enduro está organizado da seguinte forma:

14 de fevereiro – Lousã – Montanha Clube
6 de março – Castelo Branco – Escuderia de Castelo Branco
26 de março – Vila de Rei – Esganados TT Motoclub Vila de Rei
16 e 17 de abril – Gouveia – Talentos Objectivos Clube Enduro e Recreio
8 de maio – Valpaços – Usprigozus Clube TT de Vilarandelo
5 de junho – Souselas – Alhastro Clube TT
10 de julho – Águeda – Águeda Action Clube – ACTIB
24 e 25 de setembro – Alcanena – Pedrinha Motor Clube

Provas Internacionais de Enduro em 2016
16 e 17 de abril – Campeonato do Mundo de Enduro, Gouveia

Sponsorships: KTM, Jetmar, McDonalds, FantasticWin, Albatross, Pirelli, R3 Roadbook Rally Raid, CFL, CrossPro, Fuchs Silkolene, LS2, protaper, JBS Motos, RG seguros, GFS - Fluidos de Refrigeração, Polisport, Auto Medinas, Alpha Cycling Club, RNM Race Tech, União de Freguesias de São João das Lampas e Terrugem

PR Gonçalo Reis

domingo, 14 de fevereiro de 2016

Daniel Dominguez venceu em Valongo

Valongo recebeu no passado domingo a 2ª prova do Troféu Luso Galaico 2016, que contou com a presença de aproximadamente 250 pilotos.

Após vitória portuguesa por parte de Adelino Sousa na primeira prova em Gondomar, desta feita foi o espanhol Daniel Carracedo Dominguez que garantiu o triunfo na Geral e respectiva classe Pro. João Ribeiro terminou na segunda posição, a 39,98 segundos. O terceiro posto da classe ficou nas mãos de André Mouta, a 1.19,47 do vencedor, piloto que lidera agora o troféu.

Daniel Dominguez

A classe Expert esteve ao rubro, com Helder Ribeiro, Norberto Teixeira e Gerson Pinto a discutirem entre si a vitória. Gerson Pinto comprometeu a sua prova na primeira passagem pela Cross Teste pelo que, apesar ter ocupado constantemente os lugares cimeiros da tabela de tempos, deixou inevitavelmente a luta pela vitória final entregue aos seus dois mais directos adversários.
O primeiro lugar acabou por ser conquistado por Ribeiro, com apenas 2,62 segundos de vantagem sobre Teixeira. Gerson Pinto terminou em terceiro, a 17,52 segundos do vencedor.
À sua vitória, Helder Ribeiro juntou o 3º lugar final na Geral, o que mostra bem o andamento dos pilotos nesta classe.
Em termos de troféu, Norberto Teixeira lidera com 47 pontos, seguido de Pedro Durães e Márcio Barbosa, ambos com 36.

Helder Ribeiro

Hugo Pinto venceu a classe Enduro 1, batendo Miguel Fernandes por apenas 9,31 segundos. Adriano Marques foi terceiro, a 34,98 do vencedor.
Mário Paiva juntou ao terceiro lugar obtido na primeira prova, um sexto lugar em Valongo e assumiu a liderança da tabela pontos nesta classe.

Hugo Pinto

Na Enduro 2, Carlos Skinas voltou a ser o piloto mais forte e repetiu a vitória alcançada em Gondomar. Com este resultado e com apenas duas provas realizadas, Skinas já tem uma confortável vantagem de 22 pontos sobre os seus adversários.

Carlos Skinas

Duarte Mota foi o vencedor da classe Enduro 3, batendo Leonel Mendes por 12,34 segundos. Samuel Almeida terminou na terceira posição, a 49,83 do vencedor. 
Leonel Mendes mantém a liderança na classificação da classe, no que diz respeito ao troféu.

Duarte Mota

Nos Juniores, António Gonçalves e Diogo Parente voltaram a dar nas vistas, com bons tempos registados à geral. Gonçalves desta vez não deixou os seus créditos por mãos alheias e, após segundo posto em Gondomar, impôs-se a Parente por 32,97 segundos. Não fosse o tempo perdido na primeira passagem pela Extreme Teste e a vitória seria mais expressiva. Os dois pilotos estão agora empatados na tabela de pontos do troféu e resta saber se Parente irá encontrar a velocidade extra que lhe permitirá dar mais luta a Gonçalves.
Luís Gonçalves terminou em terceiro, a 1.22,56 do vencedor.

António Gonçalves

Albano Mouta voltou a impôr-se nos Veteranos e venceu com uma vantagem quase idêntica à da primeira prova sobre o segundo classificado, Nuno Freitas. Foram 15,95 segundos que separaram os dois pilotos, depois de uma diferença de 16,1 segundos na primeira etapa do Troféu. 
De destacar o andamento verificado nesta classe, com os 2 primeiros a "visitarem" regularmente o top 25 da tabela de tempos.
O terceiro lugar ficou nas mãos de César Vieira, a 56,38 de Mouta.

Albano Mouta

Nos Super Veteranos, Aníbal Soares também repetiu a vitória alcançada em Gondomar e é, sem dúvida, o homem a bater nesta classe. Foram uns expressivos 81 segundos que o separaram do segundo classificado - Luís Oliveira - diferença esta, recorde-se, conquistada em 5 especiais (2 voltas, a primeira passagem na ET não contou). João Almeida ocupou o degrau mais baixo do pódio. 

Aníbal Soares

Na Promoção, Ivo Cardoso foi o melhor, batendo Filipe Vaz por 29,32 segundos. Na terceira posição, ficou Rui Soares, a pouco mais de 4 segundos do segundo classificado. Carlos Ferreira lidera o troféu, tendo terminado esta prova na 4ª posição. 

Ivo Cardoso

Nas Senhoras, Vera Dias repetiu o triunfo conseguido em Gondomar. Sónia Cancela concluiu a prova na segunda posição.

O troféu prossegue no dia 13 de Março em Valpedre, Penafiel, onde terá lugar o 1º Cross Country da história do Troféu Luso Galaico Mota de Monte. 
Uma nova vertente, onde se pretende que os pilotos, principalmente aqueles que vivem os seus primeiros tempos de competição, experimentem as sensações do Cross-Country, onde é fundamental "acertarem" com o seu próprio ritmo, numa prova de resistência em que o cronómetro estará sempre a contar durante 2 horas. 
Um novo desafio para quem nunca experimentou e onde se aprende muito, tanto no que diz respeito à nossa técnica de condução, como às nossas capacidades físicas e mentais.




Fotos: One Shot Foto e PM-Images

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

CNE 2016 - Comunicado - Enduro da Lousã adiado


COMUNICADO:
Adiamento Campeonato Nacional de Enduro
Lousã - 14 Fevereiro

Caros enduristas;

Hoje depois de nova avaliação do traçado definido para o Enduro da Lousã, ao qual já tínhamos efetuado algumas alterações de última hora, concluímos que não estão garantidas as condições mínimas de segurança para o desenrolar da prova.

Depois de ouvida a opinião da Proteção Civil, Guarda Nacional Republicana e Câmara Municipal da Lousã, todos são unânimes que esta será a melhor decisão, até porque se prevê continuação de tempo muito instável até a próxima segunda-feira.

O nosso pedido de desculpas a todos vós, pelos transtornos causados, em especial aos pilotos que já se encontram na Lousã.

Estamos certos que esta é a decisão acertada, até porque o C. N. Enduro 2016 merece uma excelente abertura!

Dentro de dias será apresentada a nova data.

Cumprimentos;
Luís Rodrigues (Diretor de prova)
João Bandeira (Presidente)

Foto: Organização

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

CNE 2016 - Arranque na Lousã


Começa no próximo Domingo na vila da Lousã a edição 2016 do campeonato nacional de Enduro. Será a primeira das oito jornadas em agenda para o campeonato e neste arranque de temporada serão onze as categorias em competição que vão cumprir o percurso desenhado pelo Montanha Clube.

Este terá uma extensão de aproximadamente 35 quilómetros, nos quais estarão desenhadas as três especiais (Extreme, Enduro e Cross) sendo a primeira aquela que mais próximo estará da vila anfitriã, junto ao Campo de Rugby.

As restantes duas e tal como no passado ano serão desenhadas junto ao Arneiro, na estrada que liga a Lousã a Miranda do Corvo.

Os pilotos das categorias principais (Elite e Open) terão que realizar quatro voltas ao percurso, sendo que as classes Verdes e Veteranos cumprem 3 voltas, as Senhoras 2 passagens pelo mesmo percurso dos Verdes e a Hobby e Enduro Cup fazem um total de 2 passagens igualmente.

A prova terá o seu arranque ás 10 horas da manhã de Domingo e o local de partida, paddock e parque-fechado será o Parque de Exposições da Lousã, onde serão realizadas igualmente as verificações técnicas e administrativas.

O Enduro está de volta aos trilhos e à Lousã!



Texto: FMP
Foto: Organização

Enduro 2016 - Senhoras e Jovens com apoio


No arranque de mais uma edição do campeonato nacional de Enduro, já no próximo fim-de-semana na Lousã, a Federação de Motociclismo de Portugal anunciar também apoios e condições especiais para Senhoras e Jovens entre os 14 e os 18 anos.




As Senhoras que desejem participar no campeonato terão inscrições com 50% de desconto e os jovens pilotos que participem no Troféu Youth no campeonato nacional ganham de imediato um conjunto de prémios e incentivos composto por: Licença Desportiva; 2 camisolas de corrida (utilização obrigatória); lubrificantes Eni e ainda produtos Polisport.

Os pilotos do Troféu Youth terão que ter idade compreendida entre os 14 e os 18 anos de idade e poderão utilizar motos com motor 50cc a dois-tempos ou motos com motor 125cc a quatro-tempos.




O campeonato nacional de Enduro 2016 é composto por sete provas sendo que a primeira se realiza na Lousã no próximo fim-de-semana (14 de Fevereiro).

FMP
Foto: Arquivo | One Shot Foto

Alves Bandeira "Um amigo no caminho" de Diogo Ventura


Prestes a iniciar um novo ano a nível nacional e internacional Diogo Ventura formalizou no final da passada semana um acordo que o vai ligar à Alves Bandeira em mais uma temporada em que o piloto de Góis marcará presença não apenas no campeonato nacional de enduro mas igualmente no campeonato espanhol e também no mundial da especialidade, este com passagem novamente por Gouveia na sua agenda.

Ao lado do Góis Moto Clube, que a Alves Bandeira apoia igualmente, o piloto da Gas Gas encontra nas empresas da sua região não apenas o ‘carinho’ mas igualmente os apoios que lhe permitem enfrentar nas melhores condições um ano que será novamente bastante exigente do ponto de vista fisico e técnico, pois mais uma vez Ventura estará dividido em três campeonatos distintos e todos eles com elevado nível competitivo.

“Estou muito satisfeito com esta parceria com a Alves Bandeira e também com a continuidade do apoio do Góis Moto Clube e vou representar as suas cores com bastante orgulho. Para além do patrocínio a nossa relação é muito mais que isso fruto de uma proximidade muito familiar e que tem já uma longa duração. Obrigado à Alves Bandeira pela oportunidade que espero honrar da melhor forma.”

A Alves Bandeira conta com uma vasta experiência na comercialização de todo o tipo de combustíveis líquidos e também lubrificantes e produtos de manutenção automóvel em mais de centena e meia de postos de abastecimento que fazem parte da rede em Portugal continental da marca. Uma empresa que agora aposta num ‘valor da região’ para levar ainda mais longe a sua imagem.

Hype Communications

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Apresentação 2016 – RACESPEC|J-ROD|CFL|KTM


Com o aproximar das competições oficiais, a RACESPEC KTM CFL vem por este meio apresentar a sua formação para a temporada 2016. Este ano a equipa bairradina contará novamente com Joaquim Rodrigues Jr., Marcelo Lourenço, o estreante Tomás Clemente, dando ainda apoio à jovem Bruna Antunes.

Joaquim Rodrigues Jr. competirá pelo segundo ano pela equipa de Águeda, agora aos comandos de uma KTM EXC300. O atual Vice-Campeão Nacional tem evoluído bastante na modalidade de enduro e será certamente um dos pilotos na luta pelo Nacional de Enduro. “Vim do motocross como todos sabem, no entanto a habituação a esta modalidade tem sido bastante positiva. Este ano irei utilizar uma mota 2T, o que será um desafio adicional. Quero lutar pela vitória e mostrar acima de tudo um bom andamento”.

Marcelo Lourenço terá novamente a função de diretor de equipa, no entanto estará também presente no Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno. O piloto aguedense gostou bastante da experiência na Baja Portalegre e irá apostar na novíssima KTM EXC350 para marcar presença em algumas “bajas”.

A grande novidade para 2016 será sem dúvida a inserção do jovem Tomás Clemente na formação apoiada pela KTM Portugal – JETMAR. Vencedor da categoria Enduro Cup na época transata, o jovem piloto irá tripular uma KTM EXC125 inserido na categoria Verdes 1, estando ainda em aberto a presença em algumas etapas do Mundial de Enduro. Contando com o apoio do experiente Joaquim Rodrigues Jr. e todo o "Know-how" desta formação, Tomás possui agora todas as condições para se afirmar com uma grande valor do Enduro Nacional. “Quero aproveitar ao máximo esta oportunidade e toda a experiência do Quim e da equipa. Contraí uma lesão na pré-época, no entanto tenho trabalho bastante para a recuperação ser a 100%. Não sei se conseguirei alinhar na primeira ronda do Nacional, no entanto estou motivado e só tenho que agradecer à RACESPEC e à KTM”.

Ainda com as cores KTM estará a jovem Bruna Antunes. A piloto natural de Sesimbra terá o estatuto de “satélite”, beneficiando assim de todo um apoio logístico e material desta equipa. Segunda classificada na Enduro Cup em 2015, Bruna alinhará pelo segundo ano consecutivo no Nacional de Enduro, agora na animada categoria Senhoras.

Um ambicioso projeto por parte da RACESPEC|J-ROD|CFL|KTM, só possível graças ao forte contributo por parte de todos os parceiros já definidos. Espera-se um ano recheado de competição, havendo ainda a abertura para algumas surpresas em termos de pilotos e/ou campeonatos onde esta formação possa marcar presença.

Estas e outras novidades em: https://www.facebook.com/teamracespec

Texto: Evo-press
Fotos: Equipa

TLG 2016 - Valongo - Fotos PM-Images


TLG 2016 - Valongo - Fotos One Shot Foto

 


terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Hell´s Gate 2016 - A primeira de Wade Young


Wade Young venceu a sua primeira grande prova de Enduro Extreme na Europa. Se para alguns ainda era uma promessa, o jovem piloto de 19 anos (vencedor do Roof of Africa aos 16), é agora para uma confirmação todos.

1. Wade Young - Sherco
2. Graham Jarvis - Husqvarna
3. Mario Roman - Husqvarna
4. Diego Nicoletti - Beta
5. Lars Enockl - KTM
6. Philipp Schloz - KTM

domingo, 7 de fevereiro de 2016